Grávida é traída pelo marido com a própria irmã e família a julga como errada

Uma mulher teve que lidar com o fato de que o ex-marido e a irmã dela estão casados, e ainda, com as críticas que tem recebido por não convidá-los para eventos familiares

Resumo da Notícia

  • Uma mulher foi traída pelo marido com a própria irmã
  • Eles se casaram e ela não foi convidada para o casamento
  • Ela fez uma reunião para anunciar que está grávida e não chamou o novo casal
  • A família achou errado ela não convidar
  • Internautas do Reddit opinaram na situação

Uma mulher foi ao Reddit, fórum online, para contar que o marido a traiu com a irmã dela, e a família acabou ficando dividida após o caso. Ela escreveu: “Vou dar um contexto para vocês: Eu sou casada com Ryan. Eu tenho uma irmã que chamaremos de Sam e um ex-marido que chamaremos de Dan. Indo direto ao ponto, Dan e Sam estão casados ​​agora. Dan teve um caso com ela que só descobri através de um de seus amigos que se sentiu culpado por saber. Nós nos divorciamos e eles se casaram um ano depois e, obviamente, eu não fui convidada.” E completou: “Embora este tenha sido um ponto estranho na minha família, não falamos mais sobre isso. Eu costumo evitar os dois sempre que possível.”

-Publicidade-

“Eu e Ryan nos conhecemos um tempo depois e estamos casados ​​há dois anos. Recentemente descobri que estava grávida e decidi fazer uma pequena reunião de família com nossos pais, a irmã de Ryan e alguns outros familiares próximos. Minha irmã e Dan não foram convidados”, explicou a gestante

Ela contou sobre a discussão que isso gerou: “Minha mãe trouxe isso à tona, mas deixou pra lá quando eu disse que estava grávida. Quando ela chegou em casa, ela contou a novidade para Sam, o que não me surpreendeu realmente. Recebi um texto com palavras fortes de Sam dizendo que foi horrível da minha parte não convidá-la, pois ‘a excluía da família’ e meu bebê ‘seria seu sobrinho/sobrinho de qualquer maneira’.”
“Continuamos conversando, eu explicando por que ela não foi convidada, obviamente, sendo que eu queria uma reunião familiar confortável. O que a levou a falar sobre ela ser parte da família, o que significava que ela deveria ter sido convidada. Falei com minha mãe sobre isso, e ela concorda com Sam, dizendo que, gostando ou não, eu teria que me acostumar com Sam e Dan, já que eles estariam na vida da criança. Que não convidá-los foi mesquinho da minha parte. Eu realmente não sei o que pensar agora”, finalizou a mulher.
"Minha irmã quer que eu dê o nome dela para minha filha, mas eu não me dou bem com ela"
Grávida é traída pelo marido com a própria irmã e família a julga como errada (Foto: Getty Image)
No Reddit, internautas defenderam a irmã traída. Uma pessoa comentou: “Eu teria dito a ela que ela não faz parte da minha família desde que ela ficou com o meu marido, você é definitivamente uma pessoa muito legal para até mesmo conversar com ela depois disso.” Outra escreveu: “Agora seria um bom momento para informá-la que ela NUNCA verá seu filho. Estou chocada que você ainda sequer fala com ela. Você não pode ter alguém com tão pouco caráter perto de seu filho.”