Grávidas transmitem anticorpos para bebês após serem vacinadas contra a Covid-19

Mulheres imunizadas contra a Covid-19 no período da gravidez transmitem anticorpos aos bebês, segundo estudo feito pela Universidade de Nova York

Resumo da Notícia

  • Um estudo afirmou que grávidas vacinadas transmitem anticorpos aos bebês contra a Covid-19
  • Apenas 30% das gestantes entre 18 a 49 anos estão imunizadas contra a doença atualmente
  • Os dados podem incentivar o aumento da imunização entre gestantes

Nesta última quarta-feira (22), o jornal American Journal of Obstetrics & Gynecology – Maternal Fetal Medicine, divulgou um estudo em que mulheres grávidas vacinadas, contra a Covid 19, podem transmitir anticorpos aos bebês. 36 recém-nascidos passaram pela pesquisa, pelos médicos da Universidade de Nova York. através de uma análise feita dos níveis de anticorpos no sangue do cordão umbilical.

-Publicidade-
Mulheres grávidas vacinadas durante a gestação transmitem anticorpos aos bebês (Foto: Getty Images)
Mulheres grávidas vacinadas durante a gestação transmitem anticorpos aos bebês (Foto: Getty Images)

As vacinas avaliadas no estudo foram Pfizer e Moderna. “Não prevíamos uma proteção tão extensa. Esperávamos ver mais variabilidade”, afirmou Ashley Roman, obstetra da Universidade. “Optamos por divulgar esses dados relativamente cedo porque é uma descoberta única e tem implicações importantes para o atendimento oferecido para grávidas no sistema de saúde”, continuou. “No momento, recomendamos que todas as gestantes recebam a vacina para benefício materno, mas pode haver vantagens significativas também para o feto” finalizou, em nota.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças, apenas 30% das gestantes entre 18 a 49 anos estão imunizadas contra a doença. No entanto, os dados apresentados também podem incentivar o aumento da imunização entre grávidas.