Homem descobre quem são seus pais biológicos depois de ser abandonado há 70 anos

Tony May foi abandonado quando bebê às margens do rio Tâmisa, em Londres, durante a Segunda Guerra Mundial

Resumo da Notícia

  • Tony May foi abandonado quando bebê às margens do rio Tâmisa, em Londres, durante a Segunda Guerra Mundial
  • Mais de 70 anos depois e com a ajuda de detetives de DNA, o aposentado finalmente descobriu quem foram seus pais biológicos

Tony May foi abandonado quando bebê às margens do rio Tâmisa, em Londres, durante a Segunda Guerra Mundial – mais especificamente em 1942. Mais de 70 anos depois e com a ajuda de detetives de DNA, o aposentado finalmente descobriu quem foram seus pais biológicos. “Sempre me perguntei quem eles eram. E por que eles me abandonaram. Acho que isso é o principal”, disse o inglês, em entrevista para a BBC.

-Publicidade-
Tony descobriu a identidade dos pais biologicos (Foto: Reprodução / BBC -PHIL COOMES )

Arthur e Ivy adotaram o pequeno Tony em 1944, junto de Eleanor, que se tornou a irmã do menino. O idoso lembra que descobriu que foi adotado quando tinha 7 anos, mas que isso não tinha o afetado muito. Até que no dia do seu casamento, quando tinha 23 anos, o pai de Tony disse que tinha algo a mais para contar, e, assim, o jovem ficou sabendo do abandono.

Depois da morte dos pais adotivos, o ex-bancário sentiu vontade de saber quem era a sua família biológica. O órgão de registro de Londres, onde a adoção foi validada, não tinha informações suficientes para ajudá-lo. Tony tentou fazer contato até com programas de TV, mas sem sucesso. A ajuda veio de onde ele menos esperava: um grupo para órfãos no Facebook.

-Publicidade-
Tony e Sheena se reencontraram (Foto: Reprodução / BBC – PHIL COOMES )

O grupo é cheio de depoimentos e pessoas criando hipóteses sobre quem poderiam ser seus pais, segundo o aposentado. Tony, particularmente, acreditava que podia ser filho de uma mulher britânica e um soldado americano, algo ‘comum’ para o período. Depois de publicar sua ideia, o homem foi contactado por Julia Bell, uma especialista em genealogia genética.

A detetive de DNA, como é conhecida, encontrou um jornal de 1942 que relatava a história do abandono de Tony. O artigo dizia: “Um menino de quatro semanas, de olhos azuis, envolto em um casaco azul brilhante, parte de um traje feminino, foi encontrado abandonado no Embankment.” A pista foi o suficiente para Julia enviar uma amostra do DNA de Tony para empresas que tinham um bando de dados sobre o assunto.

Os testes conseguiram encontrar duas possíveis primas ou sobrinhas do idoso: Deborah, que mora no Canadá, e June, que vive na Escócia. A partir dessa potencial árvore genealógica, a detetive foi fazendo mais testes até chegar o mais próximo possível de um resultado que indicasse a paternidade e a maternidade de Tony. E foi assim que eles foram parar na Escócia, onde o indício de vínculo era muito grande.

No final da longa história, Tony descobriu que é filho de Mary Hunter, da Escócia, e Eric Wisbey, do sul da Inglaterra. O idoso também conheceu a meia-irmã, filha da mesma mãe, Sheena, e Anita, filha do marido da mãe, James . As duas ajudaram a esclarecer a maior pergunta do idoso: “Por que me abandonaram?”. Segundo Anita, Mary estava grávida de Eric quando se casou com James, o quê causou um atrito. Nem Eric e nem James reconheciam a paternidade de Tony, o quê teria deixado a mulher sem alternativas, na época.

Amy e Eric, pais biologicos de Tony (Foto: reprodução / BBC – PHIL COOMES  )

“Sinto raiva e amargura porque minha mãe sentiu que tinha que esconder tudo isso. O que ela deve ter suportado o restante de sua vida, na minha opinião, é absolutamente doloroso.Gostaria de poder dizer a ela como eu sinto por ela ter tido que fazer isso”, diz Tony. “Mas agora que conheci minha meia-irmã, me correspondi com minha meia-sobrinha na Austrália. Agora quero apresentar meu filho e minha filha à família de Sheena. Isso me deu um novo sopro de vida”, finaliza o homem.

O 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade está aí! Ele vai acontecer no dia 19 de agosto, completamente online e grátis. Serão oito horas de transmissão ao vivo e você pode acompanhar tudo neste link aqui. Esperamos por você!

-Publicidade-