Homem é preso em flagrante após causar queimaduras na filha de quatro meses

A criança foi hospitalizada e o pai não compareceu ao local, servindo de prova como culpa do crime

Resumo da Notícia

  • Bebê de quatro meses é queimada pelo próprio pai
  • O homem responsável pelo ato foi preso em flagrante

Na última segunda-feira, 11, a Polícia Civil de Mato Grosso prendeu um homem de 20 anos que provocou queimaduras na própria filha, a qual possui apenas quatro meses. Segundo a polícia local, o caso aconteceu em Ribeirão Cascalheira, na região leste de Mato Grosso; a criança deu entrada no Hospital Municipal Cristo Rei com lesões de segundo grau em variadas partes de seu corpo. A unidade de saúde acionou as autoridades próximas.

-Publicidade-
A mãe da garota também não possui bom relacionamento com o suposto culpado (Foto: Getty Images)

Ainda de acordo com a corporação, o homem também é investigado por agressão contra a companheira, já que a mãe da menina, de somente 17 anos, também apresentava lesões pelo corpo e sinais de queimadura. Em depoimento aos agentes, a jovem declarou que o marido e a filha haviam caído de moto e, graças ao ocorrido, isso havia provocado os ferimentos no corpo.

Por outro lado, os policiais desconfiaram da versão da mãe da vítima, já que o bebê estava com lesões em diferentes partes do corpo e não em uma específica, fator que provavelmente ocorreria em razão a uma queda de moto. Outro fator que provocou suspeita nos agentes foi o pai não ter ido com a adolescente até o hospital, o que demonstraria falta de interesse em socorrer a filha e pouca seriedade paterna por parte do responsável.

Queimaduras causam sérias sequelas em bebês em razão da pele sensível (Foto: Reprodução/The Sun/South West News Service)

Os policiais foram até a residência do casal, na qual o agressor estava dormindo no momento da chegada e constataram que ele sozinho não possuía nenhum ferimento em suas partes do corpo. O homem foi preso em flagrante e autuado por maus-tratos à filha.

O homem foi preso em flagrante e autuado por maus-tratos à filha. Atualmente, não há informações sobre o estado de saúde da criança. De acordo com o Ministério da Saúde, 21.023 crianças entre 0 e 14 anos de idade foram hospitalizadas por conta de queimaduras em 2019. Esse tipo de acidente doméstico é o segundo mais comum e que mais causa internações no Brasil, segundo informações da ONG Criança Segura e, por causa disso, todo cuidado é pouco.