Homem troca esposa por refugiada da Ucrânia 10 dias após abrir portas para ela

Tony Garnett e Lorna abriram as portas para os refugiados da Ucrânia, mas o que o homem não contava era que iria se apaixonar pela mulher que abrigou em casa

Resumo da Notícia

  • Com a guerra na Ucrânia muitas pessoas precisaram de abrigos e lugares para se refugiarem
  • Sofiia Karkadym foi uma delas
  • Tony Garnett e Lorna abriram as portas para Sofia, mas o que o homem não contava era que iria se apaixonar pela mulher que abrigou em casa

Com a guerra na Ucrânia muitas pessoas precisaram de abrigos e lugares para se refugiarem, Sofiia Karkadym foi uma delas. O casal, Tony Garnett, 29, e Lorna, 28, da Grã-Bretanha, resolveram abrir as portas para os refugiados da Ucrânia, e Sofia se abrigou por uns dias lá, o que o homem não contava era que iria se apaixonar pela mulher.

-Publicidade-

Dez dias depois da chegada da ucraniana à residência, Tony decidiu abandonar sua esposa para viver com a refugiada de guerra no Reino Unido. “Estamos planejando passar o resto de nossas vidas juntos”, disse Tony, que trabalha como segurança, ao tabloide britânico The Sun.

Tony agora está com Sofia (a da esquerda), e deixou Lorna (a da direita)
Tony agora está com Sofia (a da esquerda), e deixou Lorna (a da direita) (Foto: Reprodução/The Sun)

Ele pediu divórcio de Lorna e foi morar junto de Sofia, que afirmou que o sentimento de paixão avassaladora é recíproco. “Assim que o vi, fiquei interessada nele. Foi muito rápido, mas esta é a nossa história de amor. Eu sei que as pessoas vão pensar mal de mim, mas acontece. Eu podia ver o quão infeliz Tony estava”, declarou Sofia, que fugiu da cidade de Lviv, no oeste da Ucrânia.

O novo casal começou a fazer atividades juntos fora de casa, como ir a academia. Logo, acabaram se relacionando. “Começou com um simples desejo meu de fazer a coisa certa e dar um teto sobre a alguém necessitado, um homem ou uma mulher”, comentou Tony.

“Sinto muito pelo que Lorna está passando, não foi culpa dela e não foi por nada que ela fez de errado. Nós nunca planejamos fazer isso e não queríamos machucar ninguém”, completou Sofia ao The Sun. Ao Metro, a ex-esposa que foi trocada pela refugiada disse estar magoada com a situação. “Ela não se importou com a devastação que deixou para trás”, desabafou Lorna.