Idosa finge estar acamada e ganha mais de R$ 3,8 milhões: filha curtia viagens de luxo

De 2005 a 2018, Frances Noble convenceu os assistentes sociais que precisava ficar acamada e acumulou muito dinheiro, que transferia para a filha e genro aproveitarem as férias em lugares luxuosos

Resumo da Notícia

  • Frances Noble, de 66 anos, enganou os assistentes sociais por anos dizendo que precisava estar acamada
  • A idosa ganhou mais de 3,8 milhões de reais com isso
  • Agora, ela foi julgada e deve ser presa

Frances Noble, de 66 anos, fingiu estar acamada para ganhar benefícios financeiros. A inglesa chegou a cumular mais de £600.000 (cerca de 3,8 milhões de reais) com a fraude, enganando assistentes sociais de 2005 a 2018.

-Publicidade-
Como economizar na hora de comprar materiais escolares 
Frances Noble, de 66 anos, ganhou mais de R$ 3,8 milhões após enganar assistentes sociais (Foto: Getty Images)

Essa história inacreditável ganha outro capítulo: o dinheiro recebido era transferido para a filha da mulher, que desfrutava junto do marido de férias luxuosas em Orlando, São Francisco, Boston e Canadá, de acordo com o The Mirror.

Frances convenceu o Conselho de que realmente precisava de cuidados especiais em casa, uma vez que não conseguia sair da cama, porém, em contrapartida, vizinhos a viam andando com o cachorro, Bertie, pela manhã.

As investigações sobre o caso tiveram início em 2019, mesma data em que a idosa resolveu se mudar para Berlim, na Alemanha. Frances não apareceu na própria audiência, a mesma em que o promotor Andrew Johnson chegou a dizer que ao se deparar com a mulher no jardim, ela alegou ser a “cuidadora de Frances”.

A sentença definiu que Frances deve ser presa por 4 anos e 9 meses. A filha dela e o genro assumiram a culpa por lavagem de dinheiro e o julgamento do casal deve acontecer no próximo mês.