Idosa se casa com amor da adolescência após 40 anos em história emocionante

Maria das Graças, de 67 anos, se casou com o amor de sua vida desde a juventude. Ela esperou todo esse tempo por Murilo Bastos e no final deu tudo certo! O caso aconteceu em Fortaleza, no Ceará

Resumo da Notícia

  • Idosos apaixonados desde a adolescência se casam após 40 anos
  • Maria das Graças esperou todo esse tempo por Murilo Bastos
  • Ela abriu o coração e contou sua história

Maria das Graças, de 67 anos, se casou com o amor de sua vida desde a adolescência após 40 anos. Ela esperou todo esse tempo por Murilo Bastos e no final deu tudo certo! O caso aconteceu em Fortaleza, no Ceará.

-Publicidade-

“Nosso reencontro foi pelas redes sociais. Passamos mais ou menos três meses nos comunicando pela internet apenas como amigos, mas eu não perdia a oportunidade de falar do meu amor por ele”, contou ela ao Só Notícia Boa. “Com menos de uma semana, ele me pediu em namoro. Três dias depois, ele me pediu em casamento. Casamos em junho de 2016, no Rio de Janeiro”, disse ela.

Idosa se casa com amor da adolescência após 40 anos em história emocionante
Idosa se casa com amor da adolescência após 40 anos em história emocionante (Foto: Reprodução / Só Notícia Boa)

Maria das Graças contou que eles namoraram durante oito anos na adolescência. No entanto, eles passaram por dificuldades envolvendo preconceito social e racial, fazendo com que eles terminassem o relacionamento. Portanto, Murilo foi embora de Fortaleza para o Rio de Janeiro.

“Mas nada nos separava. Todas as vezes que vinha ao nosso Ceará, eu era avisada por uma amiga de quando ele viria e dava um jeito de chegar até ele. Então nós sempre ficávamos juntinhos”, relembrou ela.

Durante esse período, ela se casou e teve duas filhas. No entanto, confessou que, mesmo casada com outra pessoa, ainda pensava em seu antigo amor.

“Foi uma linda história, de um amor impossível que superou preconceitos, distância e doença. Eu jamais pensei ter para mim uma pessoa tão amada, mas muito diferente de mim, que viveu em tempo da ditadura, trabalhou no teatro e morou na Cidade Maravilhosa. Mas foi possível sim”, afirmou. “Vivemos um relacionamento feliz, nos sentimos extremamente amados um pelo outro”, disse.