Jason Momoa revela não deixar as filhas assistirem a séries que atuou

O ator de “Aquaman” também participou dos programas “Game of Thones” e “Baywatch”

Resumo da Notícia

  • Jason Momoa tem duas filhas Lola, de 14, e Nakoa-Wolf, de 12, fruto da relação com a atriz Lisa Bonet.
  • Em revista disse que não as deixa assistir as séries "Game of Thones" e "Baywatch", em que atuou.
  • Em outra entrevista, contou que não as queria atuando.

Jason Momoa, de 42 anos, disse que não deseja que as filhas Lola, de 14, e Nakoa-Wolf, de 12, fruto da relação com Lisa Bonet, sigam a carrega de atuação e não as deixam ver a série “Game of Thones” e “Baywatch”. O ator de “Aquaman” foi entrevistado pelo programa “Fitzy And Wippa”, da Austrália, em conversa reveladora.

-Publicidade-
Jason Momoa tem duas filhas. (Foto: Reprodução/ Instagram)

O apresentador Wippa perguntou: “Qual é o feedback que você recebeu de seus filhos sobre Baywatch?”. Em resposta, o ator riu e disse brincando: “Não falamos sobre essas palavras, a palavra B não aconteceu, eles também não vão assistir ‘Game of Thrones’, embora seja fantástico”.

Na série Baywatch, sobre a vida dos salva-vidas de Los Angeles, na Califórnia, que fez sucesso na década de 90, o ator interpretou o galã Jason Ioane, ao lado de David Hasselhoff e Pamela Anderson. Ele contou que também não as deixa ver “Game of Thrones”, apesar de gostar muito do programa. Pelo menos, Jason as deixa ver “Aqueaman”, “Então, agora, super-heróis e nós estamos bem”, afirmou ele.

Filhas na atuação

Em outra entrevista, com o programa ‘Entertainment Tonight’, o ator disse que não deseja que as filhas sigam os passos dele e da mãe na atuação. “Eu não sou um fã. Eu não quero que eles façam isso”, afirmou Jason.

“Eu não sei. Vou tentar o meu melhor para mantê-los fora disso. Eu amo contar histórias, eu amo coisas teatrais, eu gosto de dirigir e fazer filmes, mas eu só quero que eles, você sabe, realmente busquem outras coisas. Se eles [realmente] quiserem, talvez, mas eu não quero que eles comecem a atuar. É muito difícil para as pessoas e não quero que sofram essa pressão. Eu sou difícil, posso lidar com isso, mas não gostaria de colocar alguém que amo [passando] por isso”, explicou.