José Loreto conta como tem sido o convívio em família e a paternidade após divórcio

O ator disse que mora do mesmo condomínio que a ex-mulher e a filha

Resumo da Notícia

  • Débora Nascimento e José Loreto são pais de Bella, que completou 3 anos de vida recentemente;
  • Em entrevista ao canal "Rap 77", de Júnior Coimbra, no Youtube, o ator explicou como tem sido o convívio em família após o divórcio;
  • Ele também contou como tem aproveitado o tempo livre.

Débora Nascimento e José Loreto são pais de Bella, que completou 3 anos de vida recentemente. Em entrevista ao canal “Rap 77”, de Júnior Coimbra, no Youtube, o ator explicou como tem sido o convívio em família após o divórcio.

-Publicidade-

Na entrevista, o pai explicou que durante a pandemia se dedicou a família e à casa, que é bem próxima ao local onde Débora e Bella vivem.  “Fiquei dentro da minha casa, com a minha filha. Fiz obra na minha casa, do lado de fora. Depois que me divorciei, comprei uma casa no mesmo condomínio da minha ex-mulher e tal, a cem metros”, explicou.

(Foto: Reprodução / Instagram)

Em seguida, o pai continuou: “É para a filha daqui a pouco ir andando. Ela já vai andando da casa de um para a casa de outro. Mas daqui a pouco ela vai sozinha. Aí mergulhei para dentro de casa — contou ele. O ator ainda disse  que tem uma boa relação com Débora Nascimento.

“A gente é família, cara. Família moderna. E sinto informar a todos que famílias modernas cada vez mais se divorciam (risos). Porque é difícil. Cá entre nós, vamos entrar em outro assunto? Casamento é para o insucesso. A gente tem que reformular nossas relações. A coisa de duas pessoas se tornarem uma só”, explicou.

Ele continuou: “E talvez tenha me faltado maturidade numa época com a minha ex-mulher numa época. Eu tinha esse sonho de família. Meus pais são casados até hoje, minhas irmãs são casadas, têm filhos e tal… Tem várias dores que vou carregar da separação. E hoje vejo que transformei essas dores”.

José Loreto e Bella (Foto: Reprodução/ Instagram)

José Loreto ainda disse que tem uma grande conexão com a minha filha. “Quando eu morava integralmente com minha filha, talvez sem notar eu não dava a atenção que dou hoje. E hoje tenho meio a meio, com a mãe e comigo. É outra qualidade de tempo e de relação que eu tenho com ela. Tudo tem o lado bom e o lado ruim”, concluiu.