Jovem chega na idade adulta após ter um tumor cerebral quando bebê e passar por 5 cirurgias

Poppy Guilder celebrou o aniversário de 18 anos no último sábado, dia 9, depois de passar por anos de tratamento e quimioterapia

Resumo da Notícia

  • Uma jovem foi diagnosticada com um tumor cerebral quando tinha apenas 14 meses de vida
  • Na época, em 2004, os médicos disseram para a família que a chance dela sobreviver seria de 50%
  • Poppy Guilder comemorou seu aniversário de 18 anos no último sábado, 9 de janeiro

Uma jovem foi diagnosticada com um tumor cerebral quando tinha apenas 14 meses de vida. Na época, em 2004, os médicos disseram para a família que a chance dela sobreviver seria de 50%. Depois de cinco cirurgias no cérebro, dois anos de quimioterapia e dois meses de radioterapia, Poppy Guilder comemorou seu aniversário de 18 anos no último sábado, 9 de janeiro.

-Publicidade-
Poppy fez aniversário no sábado, dia 9 (Foto: Reprodução / Mirror)

Na época do seu nascimento a família teve que lidar com notícias difíceis: a equipe médica acreditava que as chances dos pais perderem a filha era grande. Os especialistas chegaram a dizer que caso ela chegasse na vida adulta, provavelmente seu quadro clínico se estabilizaria. Mas até lá estava uma longa jornada de tratamentos.

Cada cirurgia na cabeça de Poppy durou cerca de 8 horas. Apesar de estar curada atualmente, a jovem ainda precisa lidar com algumas sequelas dos longos tratamentos.

-Publicidade-
Poppy fez aniversário no sábado, dia 9 (Foto: Reprodução / Mirror)

“Quando Poppy foi diagnosticado com tumor cerebral aos 14 meses de idade, em março de 2004, nos disseram que era um tumor cerebral infantil e que se ela chegasse à idade adulta, as coisas se estabilizaram. A partir daí, o objetivo era fazê-la se desenvolver com o mínimo de danos possível. Parecia uma vida inteira de distância e cada aniversário era um grande marco. Bem … ela conseguiu! Poppy é oficialmente uma adulta”, comemorou a mãe, Lisa, em entrevista ao Mirror.

Poppy fez aniversário no sábado, dia 9 (Foto: Reprodução / Mirror)

Poppy aproveitou o dia em casa, por causa da pandemia, ao lado da mãe, do pai, Brian, e das irmãs caçulas, Lily e Ella. “Tem sido uma montanha-russa para mim, para minha família e para todos que me apoiaram ao longo dos anos, mas eu não estaria aqui comemorando meu aniversário se não fosse por todas essas pessoas incríveis”, disse.

“Temos muita sorte em vê-la se tornar adulta. Em certo ponto, chegar ao seu segundo aniversário parecia uma grande conquista. Ela é incrível. Poppy teve um aniversário tão maravilhoso, nem sei por onde começar! Choramos tantas vezes e rimos muito. Seu dia foi preenchido com visitas domiciliares, presentes maravilhosos, lindos cartões, palavras sinceras, mensagens de vídeo, ligações FaceTime, bolo delicioso, balões fabulosos, comida deliciosa, mimos das irmãzinhas e diversão para a família! Saber quantas vidas nossa incrível Poppy tocou na tenra idade de 18 anos nos deixa ainda mais orgulhosos do que já éramos, se é que isso é possível”, descreve a mãe.

Agora Poppy deve se mudar para Birmingham, onde deve ser atendida pelo Hospital local, onde já fez tratamento em 2008. O objetivo é estabilizar os tumores e acompanhar possíveis recaídas. “Não há realmente nenhuma palavra além de obrigada”, finaliza a família.

-Publicidade-