Juiz perdoa pai de 96 anos por dirigir em alta velocidade para levar o filho ao médico e vídeo viraliza

Frank é famoso por ser humano nas suas decisões

Juiz delibera a favor de pai de 93 anos (Foto: Reprodução/Youtube Caught in Providence)

Frank Caprio é um juiz conhecido por tomar decisões baseadas em visões humanizadas, ele sempre busca ouvir as justificativas dos réus e tenta entender o motivo que fizeram com que eles agissem da maneira que agiram. E desta vez, um vídeo dele deliberando a favor de um pai de 96 anos, que tomou uma multa por levar o filho ao médico viralizou nas redes sociais.

Um senhor de 96 anos precisou ir ao tribunal por andar em alta velocidade em uma zona escolar. Em um primeiro momento ele ficou confuso e afirmou que só dirige quando realmente precisa. Depois ele explica que tem um filho deficiente com câncer e que a cada duas semanas precisa fazer exames laboratoriais.

O caso aconteceu no dia 28 de julho e a história de Victor Coella vai mexer com você. Ela mostra que o amor de um pai ou de uma mãe é mais forte que a idade e as limitações impostas pela vida. O senhor conseguiu deixar todo o tribunal emocionado.

A justificativa 

“Não dirijo tão rápido, senhor juiz. Tenho 96 anos de idade e conduzo devagar. E apenas conduzo quando é preciso. Estava indo para as análises sanguíneas do meu filho, que é deficiente motor. Sim, eu o levo para fazer as análise de sangue a cada 15 dias porque ele tem câncer”, explica Victor.

Frank não se segurou e não parou de elogiar a atitude do aposentado. “Você é um bom homem. Você é mesmo tudo aquilo que a América representa. Está aqui com 90 anos e continua a tomar conta da sua família. É algo maravilhoso o que você faz”. O juiz ainda brincou com o pai de família, ele apontou para o filho dele e disse que Victor vai fazer com que o homem (filho do juiz) fique o cobrando por caronas.

O filho de Victor tem 63 anos e por conta da dificuldade motora ainda precisa da ajuda do pai, que não economiza esforços para o deixar confortável. Toda essa história foi registrada pelo programa de TV de Frank o “Caught in Providence“. 

Leia também: 

Juiz contraria decisão de Testemunhas de Jeová que proibiram transfusão de sangue na filha

Juiz autoriza procedimento em bebê de três semanas contra a vontade da mãe e caso repercute 

Juiz dá sentença para os pais que não queriam tratar câncer do filho de 3 anos com quimioterapia