Juliette compartilha foto carinhosa em celebração ao aniversário de 60 anos da mãe

A campeã do Big Brother Brasil 21, Juliette, usou a rede social Instagram para fazer uma dedicatória à mãe, a Dona Fátima

Resumo da Notícia

  • A Juliette compartilhou uma foto carinhosa em celebração ao aniversário de 60 anos da mãe
  • Ela usou a rede social Instagram para fazer uma dedicatória à mãe, a Dona Fátima
  •  Os fãs e seguidores da artista deixaram comentários positivos na publicação

O último domingo, 12 de junho, foi dia de celebrar o aniversário de 60 anos de Fátima, mãe de Juliette. A campeã do Big Brother Brasil 21 usou o perfil pessoal na rede social Instagram, para compartilhar uma linda dedicatória à matriarca. A publicação na rede social gerou comentários de amor e afeto entre os fãs e seguidores da artista – os quais também parabenizaram a familiar aniversariante.

-Publicidade-
Mãe de Juliette
Juliette ao lado da mãe (Foto: Reprodução / Instagram

Na legenda, Juliette escreveu: “Selfie com o amor da minha vida. Você não poderia ter nascido em outra data. (12, Juliette… vai no 12, Juliette…). 60 anos dessa criança que ilumina os meus dias”. Já nos comentários, disseram: “Parabéns para essa preciosa”, disse a Pocah. “Muita saúde e muitos anos de vida para a Dona Fátima”, disse Jackie Sampaio.

Xenofobia: a cantora Juliette sofreu ataques na internet pelo seu sotaque

Na noite da última sexta-feira, dia 10 de junho, a vencedora do BBB 21, Juliette rebateu às mensagens de ódio recebidas no Instagram. Ela disse que recebeu pedidos hostis para falar sem sotaque. E respondeu, sem sair do salto, que não se deixa abalar com os comentários: “Eu não fico triste. Uns eu fico rindo e outros eu fico irritada mesmo, principalmente com os xenofóbicos”, postou ela nos stories.

Xenofobia é crime
Xenofobia é crime (Foto: Reprodução @juliette)

A cantora falou que vai fazer uma live para expor os comentários maldosos que recebe e conversar com os seguidores sobre o assunto. “Vou explicar para vocês o quanto isso ainda é forte, o quanto isso é enraizado e naturalizado na nossa sociedade para vocês entenderem o que acontece”, disse ela.