Justiça decide se jovem poderá ter o nome da mãe biológica e dos pais adotivos na certidão de nascimento

Apesar da adoção, o garoto manteve contato frequente com a mãe biológica por muito tempo

Resumo da Notícia

  • Jovem pede para ter o nome da mãe biológica e dos pais adotivos na certidão de nascimento
  • O garoto mantinha relação frequente com a mãe
  • A solicitação foi aprovada pela justiça

Justiça autoriza que jovem tenha o nome da mãe biológica e dos pais adotivos na certidão de nascimento, em Luziânia, região do Distrito Federal. De acordo com o Ministério Público, o garoto pediu para que o registro acontecesse.

-Publicidade-

A mãe ofereceu o garoto para o casal adotar ainda quando era bebê. No entanto, a ação foi formalizada quando ele já era um adolescente. Apesar disso, o jovem sempre mantinha contato frequente com a mãe biológica.

Jovem tem o nome da mãe biológica e dos pais adotivos na certidão de nascimento
Jovem tem o nome da mãe biológica e dos pais adotivos na certidão de nascimento (Foto: Reprodução / TV Anhanguera)

Por conta desse laço criado com a mãe biológica, ele fez uma solicitação para que levasse o nome dos dois vínculos familiares, devido ao fato de ter um laço afetivo com ambas as partes.

Durante esse processo, a mãe do garoto acabou falecendo. Após diversas avaliações sobre o caso, o Ministério Público informou que a justiça concordou com o pedido do registro de ambos os nomes. Portanto, na certidão de nascimento do jovem, manterá o nome da mãe e do pai adotivo.