Kobe Bryant pretendia escrever um livro infantil com Paulo Coelho e história vem à tona

O jogador morreu no último domingo, 26 de janeiro, em um acidente de helicóptero nos Estados Unidos

Kobe Bryant morreu em uma acidente de helicóptero.(Foto: Reprodução/Instagram @kobebryant)

No último domingo, 25 de janeiro, Kobe Bryant, astro da Liga de Basquete dos Estados Unidos (a NBA – National Basketball Association) e do time Los Angeles Lakers, morreu em um acidente de helicóptero na região de Calabasas, na Califórnia.

-Publicidade-

Em 2016, pouco tempo depois de se aposentar do basquete, ele contou sobre o desejo de escrever um livro infantil com Paulo Coelho. Os dois já tinham conversado sobre o assunto e Kobe já estava se dedicando à escrita.

Paulo Coelho prestou uma homenagem para o jogador com um print da conversa em que os dois falavam a respeito do livro. Kobe escreveu “Vamos escrever o livro juntos”, e Paulo respondeu “A qualquer hora”. Na legenda, o escritor disse que aprendeu muito com o astro e ele era muito mais que um jogador. E que vai apagar com o livro. 

-Publicidade-
Paulo Coelho se despediu do jogador e comentou sobre o livro.(Foto: Reprodução/ Instagram @paulocoelho)

A decisão de Paulo causou repercussão com os fãs, que comentaram para que ele não apagasse o livro e continuasse a escrever.  “Não apague, por favor”, comentou uma seguidora. “Eu não acho que ele gostaria que você apagasse. As gerações daqui para frente precisarão desse livro”, disse outra. 

Leia também:

Filha de Kobe Bryant, Gianna, morre em acidente de helicóptero ao lado do pai 

Ex-jogador Kobe Bryant morre em acidente aéreo e deixa esposa e filhas 

Kobe Bryant e esposa tinham acordo de não voarem juntos antes de acidente que matou pai e filha 

-Publicidade-