Larvas são encontradas em merenda escolar; alunos denunciam precariedades da instituição

Os estudantes da Escola de Referência em Ensino Médio Pintor Manoel Bandeira, encontraram a presença de insetos dentro da comida oferecida no lanche e no almoço. A instituição educacional rebate as informações

Resumo da Notícia

  • Alunos da Escola de Referência em Ensino Médio Pintor Manoel Bandeira, localizada em Bairro Novo, Olinda, no Grande Recife, disseram ter encontrado larvas na comida
  • Além disso, os estudantes fizeram denúncia aos banheiros da instituição
  • A escola rebateu as informações

Conforme apuração da TV Globo, a Escola de Referência em Ensino Médio Pintor Manoel Bandeira, localizada em Bairro Novo, Olinda, no Grande Recife, é denunciada por alunos após eles encontraram larvas na merenda escolar. Os estudantes notaram os insetos na comida durante a última quarta e quinta-feira, 8 e 9 de junho, respectivamente. Além disso, os indivíduos da instituição educacional informaram que as larvas estavam em pratos servidos para quem lancha e almoça na escola.

-Publicidade-

A Hanna Souza, aluna da escola, disse ao jornal que estranhou quando viu a larva no alimento que estava prestes a comer: “Achei uma falta de higiene muito grande, porque não é para aquilo estar ali. Se fosse na comida de qualquer um em casa ninguém iria achar bom”. O Felipe Marques, outro estudante, também falou sobre o episódio dos insetos na comida: “Consegui tirar uma foto e tinha mais uns três pratos com bichinho e ninguém conseguiu comer aquele negócio ruim. Até o diretor veio falar com a gente e disse que era por causa da chuva que estava com bichinho, mas não sei se é muito bem isso não”.

Aluna denuncia larva na merenda escolar
Hanna Souza (Foto: Reprodução / TV Globo)

Além de insetos indesejados presentes na comida, os alunos da escola de Referência em Ensino Médio Pintor Manoel Bandeira, contaram que também há problemas na infraestrutura do banheiro da instituição. “A condição é péssima né. A pessoa ter que ficar se segurando para outra pessoa fazer a necessidade. Sempre tem que ir com alguma amiga e é muito difícil, porque os professores não deixam sair em dupla”, disse a aluna Evelin Nascimento, para a TV Globo.

Resposta da escola

Em nota dedicada ao jornal, a Secretaria de Educação e Esportes (SEE) disse que enviou uma nutricionista responsável pela área à escola e constatou que “a merenda escolar estava em perfeito estado”. “A pasta esclarece ainda que toda alimentação escolar passa por um acompanhamento sistemático realizado através de visitas da equipe de nutrição em cada escola e que as agentes de alimentação escolar recebem formações periódicas conforme padrões estabelecidos pela Anvisa”, disse o SEE.

Em relação aos banheiros, a Secretaria da Escola de Referência em Ensino Médio Pintor Manoel Bandeira, informou ao jornal que o local está em boas condições. “Diante da denúncia, a Gerência Regional de Educação Metropolitana Norte, responsável pela região, [a SEE] enviou um analista ao local para averiguar as condições do banheiro e, caso necessário, tomar as medidas cabíveis”, informaram.