Luiza Trajano é indicada como uma das 100 pessoas mais influentes de 2021 pela Time

Presidente do Conselho da rede Magazine Luiza e mãe de três filhos, Luiza Trajano é a única brasileira entre os 100 nomes eleitos pela Time como mais influentes do ano de 2021

Resumo da Notícia

  • Luiza Trajano foi indicada como uma das 100 pessoas mais influentes de 2021
  • A lista é feita anualmente pela revista Time
  • Luiza é Presidente do Conselho da rede Magazine Luiza e mãe de três filhos

Luiza Helena Trajano, Presidente do Conselho da rede Magazine Luiza, foi indicada como uma das pessoas mais influentes do ano de 2021 pela revista Time. A brasileira está entre outros 100 selecionados pelo veículo, que todos os anos lista personalidades importantes.

-Publicidade-

Ao lado de Simone Biles e da dramaturga Shonda Rhimas, Luiza Trajano aparece na categoria “titãs”. Mãe de três filhos, Ana Luiza, Frederico e Luciana, Luiza lembra que nunca deixou de trabalhar por ser mãe. Segundo ela, um dos maiores incentivos hoje em dia é a prática do home office, que se intensificou após o início da pandemia devido ao isolamento social.

Luiza Trajano foi eleita como uma das 100 pessoas mais influentes de 2021 (Foto: reprodução/YouTube/AMAR por Mariana Kupfer)

Durante um Webinar com jornalistas de diversos lugares do país, ela falou sobre as saídas que a empresa conseguiu para atender com excelência os clientes nesse período de pandemia. Ao longo do bate-papo ela defendeu os direitos das mulheres e o apoio que fez com o projeto Grupo Mulheres do Brasil. Dentro do tema ela nos respondeu qual a visão dela e da empresa em relação ao retorno das funcionárias com licença-maternidade.

Segundo Luiza, um dos maiores medos que ela identifica nas mulheres que retornam para o ambiente profissional após o nascimento do filho é poder estar desatualizada do que aconteceu na equipe e na empresa durante o período de afastamento. “A empresa dá até 6 meses de licença-maternidade, mas eu vi que tem mulher que tem medo e volta com 4 meses. Eu tenho a impressão de que com o home office essa mulher consegue entrar em tudo, no rito de comunhão, nos resultados, em tudo mesmo depois que retorna”, explica.

Ela afirma que naturalmente pode haver um susto de cara, mas que hoje está mais fácil, mesmo com a velocidade das mudanças enormes. “Eu fico muito feliz nesse aspecto”, reforça Luiza. Sobre esse tema, ela ainda relata a experiência que tem vivido com uma de suas funcionárias na rede Magazine Luiza. “Temos uma menina que é a única diretora de tecnologia, se não me engano, do Brasil. É uma de nossa principais áreas e ela vai ser mãe. Então, eu tive que trabalhar muito para dizer: ‘Que bom, que ótimo!’”, conta. Por já ter vivido esse momento, ela tenta mostrar que existe caminhos, sim, para equilibrar a vida profissional e a maternidade. “O que transparece quando falo com essa diretora é algo do tipo: ‘E agora, como vai ser a minha vida?’. Eu falo: ‘Gente, eu tive 3 filhos trabalhando, fazendo… Vamos lá, gente’. Não tem receita”, finaliza.