Mãe compartilha reencontro de pai e filha depois de 128 dias separados

A garota tem distrofia muscular congênita e precisou se manter isolada durante a pandemia de coronavírus, por fazer parte do grupo de risco. O reencontro emocionou

Resumo da Notícia

  • Mãe compartilha reencontro entre pai e filha
  • Os dois estavam há 4 meses sem se ver
  • O momento viralizou nas redes sociais
  • Veja o que eles fizeram

Carmela Chillery-Watson tem 6 anos e vive com distrofia muscular congênita. A condição de Carmela a colocou no grupo de risco da covid-19 e a forçou a ficar totalmente isolada em casa durante a pandemia. Como o pai da garota trabalha como motorista de entregas, ele não pôde parar de trabalhar durante o isolamento social. Pelo bem da garota, então, o pai ficou sem vê-la nesse período.

-Publicidade-
Pai e filha (Foto: reprodução Facebook)

Depois de mais de 4 meses sem ter nenhum contato, Carmela e o pai finalmente puderam se reencontrar. O momento foi capturado em um vídeo e compartilhado na página do Facebook, Carmela’s Stand up the Muscular Distry. No vídeo, que viralizou nas redes sociais, o pai da garota aparece lendo uma história para ela dormir.

“Reunidos após 4 meses. Papai finalmente está de volta. Faz 129 dias que meu pai não tem permissão para entrar em casa perto de mim por causa de minha condição clinicamente vulnerável e por ser um motorista de entrega de emergência da Covid. Papai ainda não beijou, abraçou ou fez carinho, porque ele não se sente confiante, mas hoje fui dormir muito feliz.”, escreveu na legenda da publicação.

-Publicidade-

No vídeo, que já acumulou milhares de curtidas e comentários, a criança aparece satisfeita com a presença do pai. Os internautas amaram ver a felicidade no rosto da garota e logo começaram a comentar. “Ah, é adorável que ela pareça tão feliz por estar com o pai, muito bem, senhor, deve ter sido tão difícil. Estar longe de sua família, eu gostaria que houvesse pessoas mais sensatas por aqui”, comentou uma seguidora. “Estou tão feliz por você, espero que seu pai possa ler uma história para você todas as noites”, desejou outra

Eles se viram após 4 meses (Foto: reprodução Facebook)

-Publicidade-