Mãe dá à luz bebê com quase 7 kg: “Fiquei muito supresa!”

O caso aconteceu em Presidente Prudente, interior de SP e surpreendeu a equipe médica

Resumo da Notícia

  • Mãe deu à luz bebê gigante
  • Ele nasceu com mais de 6,5 quilos
  • O tamanho surpreendeu pais e médicos

Bebê gigante! Na última terça-feira, 4 de janeiro, nasceu Pedro às 9h45 com mais de 6,5 quilos, no Hospital Estadual (HE), em Presidente Prudente, interior de São Paulo. O tamanho da criança surpreendeu a equipe médica do local.

-Publicidade-

“Eu achava que seria um bebê grande, mas não desse tamanho. Fiquei muito chocada”, disse a mãe do bebê, Aline Suelen, em entrevista ao portal de notícias G1.

Mãe dá à luz bebê gigante
Mãe dá à luz bebê gigante (Foto: Reprodução / G1)

Ela também afirmou que a gravidez foi de risco e, por isso, precisou ser acompanhada constantemente pelos médicos. “Tenho diabetes do tipo 1. A gravidez foi normal, na medida do possível. Mas tinha o desconforto por causa do peso da barriga”, disse.

“A primeira gestação foi menos cansativa. Foi cesárea também. Minha filha nasceu grande, mas o irmão superou”, contou. Ela já esperava que Pedro nasceria grande. “Pelos cálculos, ele ia nascer com 39 semanas, com peso entre 4 e 4,2 quilos”, suspeitou, antes de nascer.

“Era para internar e já fazer o parto porque não poderia passar das 39 semanas, justamente para não nascer com mais de 4 quilos, porque estávamos na estimativa baseada no ultrassom. Aconteceu que não foi do jeito que a gente planejou. Nasceu maior”, afirmou.

“Era muito, muito grande. Achavam que eram gêmeos. No final, ele nasceu mais pesado do que se fossem dois bebês mesmo”, disse, surpreendida. “Eu achava que seria um bebê grande, mas não desse tamanho. Fiquei muito chocada. Pensei que ele iria para a UTI [Unidade de Terapia Intensiva].

“Fiquei preocupada. Mas a pediatra falou comigo, disse que ele não estava cianótico. Ele não precisou ser entubado. Eu estou de alta, mas ela vai ficar na incubadora com oxigênio até se adaptar. De resto, está tudo bem”, contou. “Isso é novo para mim. Eu não consegui pegá-lo no colo ainda. Agora, é esperar para ir para casa”, finalizou ela.