Mãe dá à luz ao quarto filho no banheiro sem saber que estava grávida

Ela tomava anticoncepcional, estava menstruando normalmente e não percebeu nenhum inchaço anormal. Além disso, Grace Meachim chegou a realizar vários testes e todos deram negativos

Resumo da Notícia

  • Mãe dá à luz ao quarto filho no banheiro de casa
  • Ela não sabia que estava brava
  • Ela tomava anticoncepcional, continuava menstruando e não notou nenhum inchaço
  • Veja a história completa
Mãe dá à luz ao quarto filho sem saber que esrtava grávida (Foto: reprodução Facebook / Gracie Lou Meachim)

Grace Meachim, 32, e James Meachim, 34 tomaram um baita susto há cerca de 6 meses. Sem saber que estava grávida, Grace deu à luz a uma menina no banheiro. A mulher tomava pílula anticoncepcional, continuou menstruando e teve quatro testes negativos de gravidez. O casal estava convencido de que teria apenas três filhos, mas foram surpreendidos pela quarta, Sienna Meachim, que chegou sem ser esperada.

-Publicidade-

Grace acordou nas primeiras horas do dia 5 de dezembro de 2019 se sentindo um pouco mal. Planejando tomar um analgésico e uma xícara de chá e voltar para a cama, ela foi surpreendida por uma necessidade súbita de ir ao banheiro. Quando ela sentou no vaso sentiu a bolsa romper e soltou um grito.

O marido e o filho mais velho, Tyler, 13 anos, vieram correndo ajudar, primeiramente acharam que Grace estava ‘sendo atacada’. Ela disse a eles para chamarem uma ambulância imediatamente, pois havia ‘algo vindo’. Momentos depois de entrar em contato com um operador do 192, James precisou correr para o banheiro e pegar a filha bebê, pois a esposa havia dado à luz. Quando os paramédicos chegaram, levaram Grace e Sienna, uma bebê de quase 4 kg, para o hospital, onde ambos receberam atendimento e foram enviados para casa.

-Publicidade-

Como você pode imaginar, foi um choque e tanto para Grace, que não fazia ideia de que ela estava grávida. Grace disse ao jornal local Metro que estava tomando a pílula anticoncepcional “religiosamente”, ainda tinha sangramento mensal e não apresentava inchaço perceptível.

“Foi tão surreal. Eu não tive nenhum acúmulo, nenhuma dor, nada. Quando fui ao banheiro, não senti como se estivesse entrando em trabalho de parto. Após três gestações anteriores, eu sei como é isso. Houve um grande jato d’água, depois houve pressão e senti massa lá em baixo.Foi só aí que soube que estava acontecendo e fiquei chocada.”, contou.

Ela contou que ficou pedindo desculpas ao marido, porque a família não estava esperando mais uma criança.  “James estava esperando para ser internado em uma vasectomia e eu planejava aumentar minhas horas de trabalho para podermos começar a economizar”.  Durante a gravidez, Grace continuou a beber álcool, até mesmo, mais do que o habitual, segundo o que foi relatado. Ela também tomara fortes analgésicos devido a um problema no ombro, por isso, os pais agradeceram muito quando Sienna chegou com saúde.

Grace disse que não notou um grande inchaço enquanto estava grávida, mas desenvolveu um “ligeiro nódulo” na barriga, por isso fez três testes de gravidez em casa, apenas por precaução – mas todos deram negativos. Quando ela estava grávida de cinco meses (sem saber), Grace foi ao médico, que realizou outro teste de gravidez – novamente, o resultado foi negativo. Depois de sentir um nó no estômago, Grace diz que foi diagnosticada com um cisto. A mãe iria fazer um ultra-som do “cisto” em janeiro de 2020, mas Sienna nasceu um mês antes.

-Publicidade-