Mãe dá show de representatividade ao criar bonecas com mais de 21 tons de pele: “Ninguém mais faz”

Tammy Blunte mora no Texas e resolveu mudar o padrão das bonecas e dar às pessoas um pouco de identificação

Resumo da Notícia

  • Tammy Blunte mora no Texas e decidiu inovar no mercado das bonecas
  • A mãe que é uma mulher negra sabe da dificuldade de encontrar uma boneca com seu tom de pele ou cabelo afro
  • Agora Tammy confecciona bonecas com mais de 21 tons de pele

Tammy Blunte é uma mulher negra que mora no Texas e sabe bem o quão é difícil encontrar bonecas com o tom de pele igual o dela, ou com um cabelo afro, então a mãe de 4 filhos decidiu inovar e quebrar o padrão ao confeccionar bonecas com mais de 21 tons de pele.

-Publicidade-

“Depois que fiz a primeira boneca com tom de pele negro variado, percebi que ninguém mais faz”, contou Tammy ao Yahoo Life. A mãe cria bonecas por encomenda de acordo com o pedido da cliente. “Os clientes me mandam suas fotos e eu tento representá-las em forma de boneca”, disse Blunte, em entrevista à Southern Living.

A mãe faz bonecas de mais de 21 tons de pele
A mãe faz bonecas de mais de 21 tons de pele (Foto: Reprodução/Instagram @tammybcreations)

“Isso é especial para quem precisa de autoconfiança e/ou tem uma deficiência e precisa saber que é amado, tendo algo que se parece com ele”, explicou. Uma das bonecas, por exemplo, tem um aparelho auditivo. Outras têm óculos, aparelhos nos dentes. Os clientes podem escolher até a roupa e o penteado.

Graças a repercussão no perfil do Instagram Tammy não parou mais. “Foi isso que me impulsionou e me encorajou a explorar esse mercado. Percebi que era um nicho que estava sendo negligenciado”, disse ela. A artesã aprendeu a costurar com a família, ainda criança, mas conta que nunca se imaginou chegando até aí.

Uma das bonecas tem até aparelho auditivo igual a criança
Uma das bonecas tem até aparelho auditivo igual a criança (Foto: Reprodução/Instagram @tammybcreations)

Quando era pequena, ela fazia as próprias roupas de boneca, usando uma máquina de costura antiga. Agora, ela vende suas criações para vários lugares do mundo e diz que pretende continuar. “Se uma boneca puder ajudar alguém a se sentir especial, então, estou dentro”, finalizou.