Mãe de 4 filhos planeja casamento com detento que nunca viu pessoalmente

Uma jovem mãe solo de quatro filhos encontrou em um aplicativo de relacionamentos a pessoa com quem pretende se casar: um detento acusado por crimes de assassinato, que deve permanecer na cadeia por pelo menos mais sete anos

Resumo da Notícia

  • Mãe de quatro filhos buscava por relacionamento em aplicativo de presidiários e acabou se apaixonando por um homem condenado por assassinato
  • O casal começou a relação após 17 dias conversando dia e noite, e permanecem juntos até hoje, com planejamento de casamento
  • A mulher já usa aliança de noivado e prepara o casamento para que seja realizado na cadeia, visto que o futuro marido deve permanecer privado de liberdade por, pelo menos, mais 7 anos

Mais uma relação amorosa começou por meio de aplicativo de relacionamento, entretanto essa chama atenção por alguns motivos: em primeiro ponto, o aplicativo em questão trata-se de um veículo específico para se conectar com egressos do sistema prisional. Nele, Laura O’Sullivan, de 32 anos, encontrou Terrell Ravon Reese, de 31 anos, que está preso sob a acusação de assassinato.

-Publicidade-
Jovem mãe de quatro filhos pretende se casar com homem condenado por assassinato
Jovem mãe de quatro filhos pretende se casar com homem condenado por assassinato (Foto: Getty Images)

Laura, que reside com os filhos em Bristol, uma cidade na Inglaterra, reconhece que a situação é fora do comum, porém garante que não é capaz de controlar os sentimentos que possui por Terrel. Nesse sentido, eles seguem juntos, ainda que nunca tenham se visto, e planejam o casamento para ser realizado na cadeia, visto que não há previsão para que o rapaz saia desse sistema antes de 2030.

A mulher, que se abriu em entrevista para o The Mirror, afirmou que ficou impressionada com a honestidade de Terrel por ter, voluntariamente, concedido informações do crime que cometeu para a polícia. Também garantiu que “ele era jovem e estúpido, e estava no lugar errado na hora errada e essa situação o deixou preso por muito tempo da própria vida”. Nesse mesmo sentido, Laura apostou no futuro marido e disse que ele é uma pessoa completamente diferente da que era quando adolescente.

Os dois engataram o namoro após 17 dias se comunicando, virtualmente, desde a manhã até a noite. Após ter perdido o pai devido ao Covid-19 e terminado um relacionamento difícil, Laura garantiu que ter conhecido e se relacionado, mesmo que à distância, com Terrel significou tudo na vida dela. O romance não fica restrito apenas às mensagens românticas que os dois trocam, mas o presidiário chegou a enviar presentes físicos, dentre eles até mesmo uma aliança para a amada, por meio de um amigo que está em liberdade. Ambos garantem estar apaixonados e muito dispostos a engatar a relação oficialmente assim que Terral estiver solto novamente.