Mãe de 82 anos faz tatuagem para homenagear filha que faleceu por covid-19

Dona Lenimar perdeu a filha no ano passado por causa das complicações da covid-19. Um dia, descobriu uma maneira de homenagear Leninha fazendo o que a ela mais gostava: uma tatuagem!

Resumo da Notícia

  • Uma mãe de 82 decidiu fazer uma tatuagem para homenagear a filha
  • Dona Lenimar perdeu a filha, Leninha, no ano passado por causa de complicações da covid-19
  • A tatuagem fio um divisor de águas para Dona Lenimar, que passou a encarar o luto de outra forma

Quando perdemos um ente querido, existem várias formas de passar pelo luto e homenagear a pessoa que estamos sentindo saudades. Para Lenimar Callado Joia, de 82 anos, a maneira que ela escolheu foi fazendo uma tatuagem para a filha, que faleceu por causa da covid-19.

-Publicidade-

Dona Lenimar conversou com a VivaBem e explicou a decisão: “Eu perdi a minha filha há alguns meses e não me conformava, porque ela era uma filha amiga, companheira. Não me conformei com a morte dela. Fiquei muito triste, chorava muito”.

A ideia de prestar uma homenagem para a filha, também chamada Lenimar e apelidada carinhosamente de Leninha, veio em um dia que estava olhando para o céu. Ela havia sido internada há um ano por causa de um problema no coração. Foi no hospital que ela se contaminou com a covid-19 e acabou não resistindo às complicações. Leninha faleceu aos 58 anos.

O Prime Day da Amazon está chegando!

Nos dias 21 e 22 de junho, você terá descontos incríveis em todas as categorias do site da Amazon. Confira as ofertas antecipadas AQUI! As promoções são exclusivas para membros Prime, então se você ainda não é assinante, aproveite para fazer sua inscrição CLICANDO AQUI. A assinatura é de apenas R$ 9,90 por mês e, além de promoções especiais, você tem acesso a filmes, séries e desenhos animados e direito a frete grátis nas compras do site. Membros Prime também ganham uma promoção de teste por 4 meses grátis para o Prime Music Unlimited.

Dona Lenimar prestou uma homenagem para a filha, que faleceu no ano passado (Foto: Reprodução VivaBem / Arquivo Pessoal)

Uma de suas grandes paixões era a tatuagem. “Ela era toda tatuada, acompanhou o meu início na tatuagem e era uma das minhas incentivadoras”, contou a sobrinha de Leninha também ao portal. E foi dessa maneira, para a surpresa de toda a família, que Dona Lenimar decidiu prestar uma homenagem para a filha: fazendo uma tattoo para ela.

Ela resolveu fazer a tatuagem depois de ser internada com alguns problemas, mas que “graças a Deus não era covid-19”. “Estava tão ansiosa para essa tatuagem, eu sentia que essa tatuagem ia mudar a minha vida”, contou. O desenho escolhido por Dona Lenimar foi um símbolo do infinito com o apelido da filha, juntamente de dois corações. “Tem muitas pessoas criticando, mas não importa. O que importa é a intenção que eu tive de homenagear a minha filha através de uma tatuagem que vou levar comigo para sempre”, finalizou.