Mãe de bebê que foi encontrado em buraco paga fiança e é solta na Bahia

A criança foi encontrada por uma agente de pedágio e o Conselho Tutelar diz que após o bebê sair do hospital, seguirá para a família paterna

Resumo da Notícia

  • A criança foi encontrada por uma agente de pedágio
  • Conselho Tutelar diz que após o bebê sair do hospital, seguirá para a família paterna
  • A mãe pagou fiança para ser liberada

A mãe do garoto que ficou dois dias dentro de um buraco, foi solta após pagar uma fiança. Ela foi presa por abandono de incapaz na segunda-feira, 16 de maio, e foi solta na última terça, 17 de maio.

-Publicidade-

O bebê foi achado na terça-feira, por uma agente de pedágio, Carine Santana, e ela passava pelo local onde a criança estava dentro do buraco, em um trecho da cidade de Santo Estevão, na Bahia.

O garoto, Heitor Gomes de Araújo, tinha desaparecido no domingo, quando a mãe saiu de casa e deixou o bebê até então, sozinho. Ele não está com nenhum ferimento grave, mas foi diagnosticado desidratação e febre. Heitor foi levado para o hospital municipal de Santo Estevão, onde foi encontrado, e está internado.

Buraco onde a criança foi encontrada
Buraco onde a criança foi encontrada (Foto: Reprodução/ Arquivo pessoal/ G1)

Ainda não há nenhuma previsão de alta do menino e segundo informações do Conselho Tutelar, ele será entregue para a família paterna. A mãe do garoto em conversa com a TV Subaé disse que foi irresponsável mas achava que o filho estava na vizinhança.

Carine Santana, a agente de pedágio, conta que estava voltando do trabalho com um amigo quando escutou um barulho e ficou tentando descobrir da onde vinha o som, no momento em que encontrou o bebê no buraco. “A gente que é mãe fica desesperada, eu fiquei desesperada. Nem consegui levantar, mas Deus deu forças” disse.

O pai do bebê, Genivaldo Pereira, encontrou ela e levou o garoto para o hospital. “Como pai, vou ter que ficar com ele, cuidar mais e vou caminhar para pegar a guarda dele”.