Mãe de Gabriel Medina teria perdido processo movido contra nora, diz site

Simone Medina haveria perdido a ação judicial movida contra Bruna Bordini, esposa de Felipe Medina – conforme afirma o colunista Léo Dias

Resumo da Notícia

  • Simone Medina haveria perdido uma ação judicial movida contra a nora, de acordo com o colunista Léo Dias
  • O processo teria sido feito por danos morais contra Bruna Bordini, esposa de Felipe Medina
  • A Justiça concluiu que o desentendimento da família não possui "ordem judicial"
  • Simone teria processado Bruna após ela ter afirmado nas redes sociais que foi expulsa da casa da sogra sem motivo algum

Simone Medina haveria perdido o processo contra a nora, Bruna Bordini. A ação judicial se deu após a esposa de Felipe Medina publicar uma série de vídeos nas redes sociais, em que afirma que foi expulsa da casa da sogra “sem motivo alguma”. Simone exigiu que Bruna pagasse uma quantia de R$ 100 mil por “danos morais” – contudo, ela perdeu a ação na justiça.

-Publicidade-

O juiz responsável pelo caso concluiu nesta segunda-feira, 16 de julho, que a situação não passa de um mal entendido – e nada tem de “ordem judicial”. De acordo com as informações fornecidas pelo colunista Léo Dias, “Pela análise das provas produzidas, evidencia-se que não houve lesão aos direitos da personalidade da autora, uma vez que não foram proferidas ofensas em seu desfavor pela requerida, sendo que sequer o nome da autora fora mencionado, circunscrevendo-se a sua fala em típica manifestação do pensamento livre em sociedade democrática, inexistindo danos morais capazes de ensejar uma condenação, não tendo, o descontentamento manifestado pela requerida na rede social, ultrapassado os parâmetros da razoabilidade”, afirma o documento.

(Foto: Reprodução/ Instagram)

Agora, Simone será obrigada a indenizar as advogadas da nora, em um valor fixado em R$ 2 mil. Além de Bruna, a mãe de Gabriel Medina também possui desentendimentos com a esposa do surfista, Yasmin Brunet. Recentemente, ela se pronunciou sobre o suposto rumor de gravidez do casal.

“Não teria cabimento fazer todo esse auê para pegar um voo tão longo logo no comecinho da gravidez”, disse, sobre a insistência do casal de ir junto para Tóquio. “Quem tem filho corre esse risco. Ela queria ir junto e proibiram, pronto. Tem que aceitar”, ainda completa.

Simone mandou a real sobre a situação do filho (Foto: Reprodução/ Extra)

Por causa da pandemia do coronavírus, o comitê olímpico decidiu que, para a realização dos jogos neste ano, os atletas não poderiam levar familiares para o evento. Contudo, Medina alegou que precisava que Yasmin Brunet, sua esposa, o acompanhasse, por motivos “secretos”.