Mãe de gêmeos decide tatuar um dos filhos para diferenciá-los e divide opiniões

No Reddit, a mãe afirmou que fez uma tatuagem médica de sarda para que as crianças pudessem ser diferenciadas durante tratamentos e emergências hospitalares. No entanto, a atitude gerou diversos comentários

Resumo da Notícia

  • Em uma plataforma de relatos, uma mãe de 31 anos afirmou que fez uma tatuagem em um dos filhos
  • A mãe de gêmeos contou que precisou fazer a modificação para diferenciar um bebê do outro
  • No entanto, a atitude gerou revolta de alguns familiares e internautas – enquanto outros, gostaram da ideia

Em uma plataforma de relatos, uma mulher , de 31 anos, afirmou que fez uma tatuagem em um dos bebês. A mãe dos gêmeos Adam e Jack, disse que fez uma tatuagem médica de sarda para que as crianças pudessem ser diferenciadas durante tratamentos e emergências hospitalares. No entanto, a atitude dividiu opiniões de alguns familiares e internautas – enquanto outros, gostaram da ideia.

-Publicidade-
A decisão dividiu opiniões (Foto: Reprodução / DailyMail)

As tatuagens médicas são usadas normalmente para alertar equipes de primeiros socorros sobre alergias ou riscos que o paciente possa apresentar. No caso dos gêmeos, o último sofre de uma condição de saúde que exige a aplicação de injeções semanalmente.

A mulher disse na publicação que certa vez, a avó das crianças se confundiu aplicou a injeção no neto errado. Por isso, ela decidiu tatuar uma sarda falsa no garoto. Após o incidente, o garoto foi encaminhado ao hospital, onde teve que tomar um remédio para se recuperar. “Quando cheguei lá, Adam havia recebido um medicamento de reversão e os dois [gêmeos] estavam felizes bebendo suco, amando a atenção”, relatou a mãe ao Reditt.

-Publicidade-

Então, após o ocorrido o médico aconselhou a mãe para que fizesse a tatuagem nos gêmeos para evitar acidentes no futuro. “Explicaram [no hospital] que tatuam uma sarda, do tamanho da ponta de uma borracha de lápis, em uma área da pele que é facilmente vista enquanto a criança está sob sedação leve”, disse a mulher.

Opiniões

A publicação rendeu mais de 2 mil comentários entre pessoas que apoiam e julgam a mãe dos gêmeos. Sabe-se que tatuagens médicas não são incomuns, elas servem para alertar os médicos responsáveis de possíveis alergias ou problemas de saúde durante uma emergência.

No fim, ao descobrir a atitude da mulher, a avó da criança não concordou com a realização da tatuagem. “Ela [a avó dos gêmeos] ainda está chateada e reclamando. Uma vez que eu explico para outros [conhecidos] e eles não conseguem descobrir [as tatuagens], eles entendem, mas ainda pensam que fui longe demais ao tatuar meu filho e alterar seu corpo”, finalizou.