Mãe de menina assassinada após ir a padaria lamenta morte: “Está sendo insuportável”

A criança de 10 anos foi encontrada morta em um matagal

Resumo da Notícia

  • A mãe da menina de dez anos, que foi a uma padaria e depois assassinada, está sendo amparada por familiares e amigos
  • A mulher lamentou a perda da criança que teve o corpo encontrado em um matagal
  • O corpo dela foi encontrado nesta terça-feira, 2 de agosto

A mãe da menina de dez anos, que foi a uma padaria e depois assassinada, está sendo amparada por familiares e amigos após a morte da filha. A mulher lamentou a perda da criança que teve o corpo encontrado em um matagal em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

-Publicidade-

Luciene Vitalino esteve perto do local onde o corpo da filha foi encontrado por uma estudante que ajudava nas buscas. “Está sendo insuportável, não sei falar o tamanho da dor que estou sentido. A única coisa que eu quero é justiça, eu quero esse cara preso. Se a justiça da terra não der certo, a de Deus vai dar”, desabafou a mãe ao G1. Os moradores da região fizeram um protesto usando cartazes e balões brancos no local onde Bárbara foi encontrada. Eles tentaram homenagear a vida da criança de dez anos.

uciene Vitalino esteve perto do local onde o corpo da filha foi encontrado por uma estudante. (Foto: Reprodução / G1)

Bárbara Victória Vitalino Rodrigues foi a uma padaria comprar pão no último domingo, 31 de julho, e fez um trajeto que já era um hábito em sua vida. A criança foi vista pela última vez por volta das 17h40 e o corpo dela foi encontrado nesta terça-feira, 2 de agosto, em um matagal próximo a um campo de futebol, que fica cerca de 500 metros da casa da menina.

Os moradores da região fizeram um protesto usando cartazes e balões brancos no local. (Foto: Reprodução / G1)

“Eu estava atrás dela, aí eu pensei assim: eu vou procurar no campo e num brejo que tem ali embaixo perto do Pedra Branca porque é onde eles geralmente jogam o corpo se algo tiver acontecido. Eu vim no campo, o pessoal estava jogando bola e eu comecei a afundar lá pra dentro, foi onde eu vi a menina deitada. Na hora que eu vi a menina deitada eu já voltei, já gritei o pessoal, ‘gente, pelo amor de Deus chama a polícia que a menina de dez anos está morta aqui”, relembrou a estudante que encontrou a criança.

Vote na Pais&Filhos para o Troféu Mulher Imprensa! 

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, está concorrendo ao prêmio da categoria Pertencimento e Inovação da 16ª edição do Troféu Mulher Imprensa! Para votar, é muito simples: CLIQUE AQUI e aperte o botão ao lado da foto da Andressa para que ele fique azul. Em seguida, preencha o campo com seus dados e vá até seu email: será preciso confirmar o seu voto clicando em um link. Depois disso, sucesso! Seu voto já foi contabilizado. Obrigada!
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa (Foto: Divulgação/Pais&Filhos)

Assista agora o POD&tudo com Marcos Piangers e Ana Cardoso! Em um bate papo muito divertido, eles falam da estreia do filme “O Papai é Pop”, inspirado no best-seller de Piangers, interpretado por Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, que estreia no próximo dia 11 de agosto.