Família

Mãe de menino que morreu no túnel do Metrô responde críticas: “Fiz tudo pelo meu filho”

Luan foi atropelado por um Metrô no fim de dezembro

Emily Santos

Emily Santos ,filha de Maria Teresa e Francisco

O menino Luan foi atropelado por um metrô(Foto: Arquivo pessoal/Reprodução)

Lineia Oliveira Silva, mãe do menino Luan que morreu no túnel de Metrô de São Paulo há dois meses conversou com o portal Universa e desabafou sobre sua vida após a perda do filho caçula.

Lineia revelou que sofreu um aborto após o acidente do filho, mas que está tentado voltar à rotina.

No entanto, ela ainda sofre ao lembrar o quanto foi julgada. “Fiquei revoltada porque as pessoas viram meu filho chorando. Poderiam ter segurado o braço dele. Quando eu vejo uma criança na rua, sozinha, eu seguro, pergunto com quem ela está. Mas ao invés disso, as pessoas julgam, falam que não cuidei do meu filho, incluindo meu ex-marido e a mãe dele, que sequer apareceram no enterro. No início, realmente me senti assim, mas tenho consciência de que fiz tudo pelo meu filho”, desabafou ela à Universa.

Ela ainda relembrou de como se sentiu quando descobriu que estava grávida de Luan. “Fiquei tão feliz quando soube que estava grávida do Luan. Meu anjo”, disse Lineia, que fez uma tatuagem em  homenagem ao filho.

Tatuagem de Lineia em homenagem à Luan (Foto: Universa/Arquivo pessoal/Reprodução)

Ela contou que estava grávida quando o acidente do filho aconteceu e que em janeiro sofreu um aborto. “Estou me recuperando do aborto ainda. Mas meu sonho é dar um filho para meu marido” contou.

Por fim, Lineia revelou que quer voltar a estudar para dar uma vida melhor aos filhos de de 7 e 9 anos. “Quero dar uma vida melhor para meus filhos. Faço o que posso por eles. Deixei de pagar conta para dar uma bicicletinha para o Luan. O que eu podia dar, eu dava”.

Relembre o caso

No dia 23 de dezembro, Lineia estava a caminho do litoral paulista com seu marido e os 3 filhos quando Luan se livrou da mãe e correu para fora do vagão do Metrô. As portas se fecharam e Lineia não conseguiu alcançar o filho, já que o transporte seguiu viagem.

Quando Lineia e o marido voltaram, não conseguiram encontrar o filho, que foi encontrado algum tempo depois no túnel do Metrô com um machucado na cabeça. O menino foi socorrido mas não resistiu aos ferimentos.

Leia também:

Vídeo mostra momento exato em que menino se perde da mãe no metrô

Menino que morreu no Metrô foi atropelado 4 minutos depois de se perder dos pais

Absurdo: Metrô demorou 1 hora para autorizar busca de menino que foi morto no túnel