Mãe de quíntuplos conta desafios da rotina ‘solitária’ durante o isolamento: “Eles são do grupo de risco”

Os paranaenses Anieli Camargo Kurpel e Luis Fernando Araújo descobriram que teriam cinco bebês de uma vez em abril de 2019, os dois já eram pais de Davi, de 6 anos. A novidade veio após uma suspeita de que a brasileira estava com um tumor no útero

Resumo da Notícia

  • Anieli Camargo Kurpel e o marido Luis Fernando Araújo já eram pais de Davi, de 6 anos, quando descobriram que estavam esperando quíntuplos em abril de 2019
  • Os bebês nasceram prematuros, em outubro do mesmo ano, e só receberam alta 3 meses após o parto
  • Hoje, durante a quarentena, a paranaense enfrenta grandes desafios para cuidar das crianças praticamente sozinha enquanto o marido ainda precisa sair para trabalhar e a mãe só pode visitar para ajudar nas tarefas do dia algumas vezes por semana
Mãe de quíntuplos conta desafios da rotina ‘solitária’ durante o isolamento: “Eles são do grupo de risco” (Foto: reprodução / Instagram / @quintuplosdoparana)

Anieli Camargo Kurpel e o marido Luis Fernando Araújo comemoram este Dia das Mães com os seis filhos durante a quarentena contra o coronavírus. O casal descobriu que teriam cinco filhos de uma só vez em abril de 2019 após a suspeita de que ela estava com um tumor no útero. Além dos quíntuplos, os dois são pais de Davi, de 6 anos.

-Publicidade-

De acordo com o G1, os bebês nasceram prematuros em setembro de 2019, em Campo Largo, CuritibaParaná. Com a disseminação do coronavírus no Brasil, Anieli e Luis tiveram que aumentar os cuidados com os filhos que a pouco completaram 8 meses de vida.

Anieli e Luis já tinham Davi, de 6 anos, quando descobriram que seriam pais de uma só vez (Foto: reprodução / Instagram / @quintuplosdoparana)

“Eles são do grupo de risco, são prematuros extremos. Os pulmõezinhos deles são bem fraquinhos, então, estamos tomando bastante cuidado”, disse a paranaense em entrevista ao G1. Segundo Anieli, os bebês só tiveram alta do hospital três meses após o nascimento, em novembro de 2019.

-Publicidade-

Eles não recebem visitas, apenas a mãe de Anieli em alguns dias da semana para ajudar com as tarefas de casa. Porém, Luis ainda precisa sair para trabalhar. “Ele chega e já toma banho antes de chegar perto da gente. A gente também não sai. Com quarentena, a médica dos bebês também não veio mais em casa, mas a gente se fala a semana inteira. Ela é bem presente”, comentou.

Os bebês nasceram prematuros em outubro de 2019 e ficaram três meses no hospital até receberem alta (Foto: reprodução / Instagram / @quintuplosdoparana)

A mãe também disse que ficou preocupada com a reação do filho mais velho, se ele teria ciúmes dos menores. Mas não, Davi até ajuda nas tarefas com os bebês. “Ele adora brincar com eles, gosta de fingir que é professor das crianças”, contou.

Luis Henrique, Jhordan, Thiago, Antonella e Laura foram os nomes que os pais escolheram para os bebês durante a gestação. Luis e Anieli fizeram um perfil no Instagram para compartilhar a rotina com as crianças com 186 mil seguidores.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!