Mãe de Simone Biles fala sobre saúde mental da filha após ginasta desistir de competição

Shanon Biles conversou com o jornal britânico Dailymail sobre a ginasta e a história da família

Resumo da Notícia

  • Simone Biles, de 24 anos, decidiu sair das Olimpíadas de Tóquio para preservar a saúde mental.
  • A mãe biológica, Shanon Biles, disse que a filha vai ficar bem ao jornal britânico Dailymail.
  • A história familiar de Simone é complicada, envolvendo a mãe com abuso em drogas e adoção.

Simone Biles, de 24 anos, era a principal aposta para ganhar medalhas de ouro nas Olimpíadas de Tóquio, ao longo da competição sofreu um problema médico e ficou na reserva. A ginasta acabou desistindo de participar da final do individual geral, que será dia 29 de julho, para preservar a saúde mental. A mãe biológica, Shanon Biles, disse ao jornal britânico Dailymail que a filha vai superar do turbilhão de emoções e se recuperará a saúde mental: “Ela vai ficar bem”.

-Publicidade-
(Foto: Reprodução/ Instagram/ @femfoundryapp)

Simone escolheu se preservar para conseguir cuidar da saúde mental, contando que não deseja sair do ginásio na maca, seria uma forma de autopreservar e não prejudicar a equipe: “Sabe, a vida é mais do que apenas ginástica’, disse ela. “Eu só acho que a saúde mental é mais prevalente nos esportes agora”.

Separada da mãe desde pequena

Shanon perdeu a guarda dos quatro filhos, Simone, Tevin, Ashley e Adria, por causa do abuso crônico de drogas. Eles foram parar num orfanato. Quando a atleta tinha três anos foi adotada junto da irmã mais nova, Adrien, pelo avô materno Ron Biles e sua segunda esposa Nellie Cayetano. As duas se mudaram de Columbus para Spring, um subúrbio de Houston, Texas.

Aos 6 anos de Simone, a irmã mais velha, Ashley, e Tevin, foram adotados pela irmã de Ron, Harriett Thomas. ‘Foi difícil desistir dos meus filhos, mas eu tinha que fazer o que tinha que fazer, não conseguia cuidar deles’, disse Shanon ao DailyMail nas Olimpíadas do Rio-2016.