Mãe é acusada de abuso na internet por ainda amamentar filha de 6 anos

Escolher quando interromper a amamentação de seu filho pode ser controverso para muitos pais

Resumo da Notícia

  • Jacy é uma mãe de 20 anos que foi acusada de 'abuso sexual' na internet
  • A mãe disse que ainda amamenta a filha de 6 anos
  • Segundo Jacy existem muitos benefícios que vem com a amamentação

As decisões desta mãe sobre continuar a amamentar sua filha de seis anos são tão controversas que ela foi acusada de ‘abuso’. Para Jacy, de 20 anos, é sua escolha continuar a alimentar sua filha com leite materno pelo tempo que ela quiser.

-Publicidade-

Em um TikTok, que tem 1,8 milhão de visualizações, ela filmou segurando a filha enquanto a amamenta, com uma legenda que simula o que as pessoas dizem: “Você teria que ser um doente para planejar amamentar até os seis anos”. Ela estava segurando sua primeira filha e diz que planeja amamentar todos os seus futuros filhos da mesma maneira.

Em outro Tiktok, Jacy respondeu a um comentário que dizia: “Seu filho ficará totalmente ressentido por isso no futuro. Nesse ponto, isso se torna uma forma de abuso”. Ao que ela disse: “A amamentação prolongada não é abuso. Não há nada de sexual em uma criança se alimentar”, disse ela enquanto dava zoom na câmera para dar ênfase ao seu ponto de vista.

A mãe disse que a amamentação tem muitos benefícios
A mãe disse que a amamentação tem muitos benefícios (Foto: Reprodução/TikTok)

“Só porque você sexualiza os seios, não significa que uma criança o faça. Uma criança está comendo, eles usam você para se alimentar. Você nem tem filhos, pare.”, a jovem mãe respondeu. Jacy também escreveu que há uma infinidade de benefícios para a saúde da amamentação para a mãe e o bebê.

Outros pais chocados correram para os comentários, dizendo: “6 é definitivamente muito velho”. “Se seu filho tem idade suficiente para lembrar, é muito velho.” Outro insistiu. Enquanto alguns apoiaram, dizendo: “Sim, mãe! O que chamamos de estendido aqui nos EUA é normal em todo o mundo. Só porque queremos que as mães voltem ao trabalho mais rápido, entre outros motivos”.

Alguns odiaram o comentário rude que ela teve que responder, como escreveu: “Ugh. Eu odeio pessoas assim. Por que pensar isso? Comentários como esse fazem algumas mães nem querer amamentar. É uma coisa linda”. Enquanto outro perguntou: “O que há de errado com as pessoas? Uma criança não está sexualizando sua principal fonte de alimento…”