Mãe encontra aranha na fralda do bebê e faz alerta para pais tomarem cuidado

Na Austrália, uma mulher ficou apavorada ao ver o aracnídeo tão próximo à pele do filho. Enfermeiras deram dicas do que fazer caso isso aconteça

Resumo da Notícia

  • Uma mãe ficou encontrou uma aranha dentro da fralda de seu bebê, na Austrália
  • Ela compartilhou a história no Facebook e alertou os pais sobre os perigos das aranhas
  • Enfermeiras deram dicas sobre o que fazer caso isso aconteça com o seu filho

Uma mãe ficou apavorada ao encontrar uma aranha dentro da fralda de seu bebê, na Austrália. No grupo CPR Kids do Facebook, administrado por enfermeiras, a mulher decidiu compartilhar o que tinha acontecido e alertar os pais sobre o pico da temporada de aranhas, que vai de outubro a março ao longo da costa leste da Austrália, e o perigo que elas oferecem.

-Publicidade-

Embora a maioria das aranhas australianas não sejam letais, suas picadas podem causar dor e inchaço intensos. Os pais que costumam passear com seus filhos em parques e lugares abertos precisam ficar atentos e saber o procedimento correto de primeiros socorros.

A página, publicou a foto tirada pela mãe com a legenda: “Aranhas andam por toda parte – em brinquedos, camas e sapatos – uma verdade incômoda!”. Vendo a repercussão do relato, as enfermeiras contaram exatamente o que você deve fazer se uma criança for picada.

A aranha estava na fralda do bebê
A aranha estava na fralda do bebê (Foto: Reprodução/ Facebook/ CPR Kids)

De acordo com as enfermeiras responsáveis ​​pelo CPR Kids, a aplicação de uma bolsa de gelo aliviará a dor de picadas de aranha inofensivas. O médico deve ser consultado se a dor do seu filho persistir, se a mordida parecer infeccionada ou se o seu filho começar a se sentir mal ou tiver vômitos, dor abdominal, febre, suor ou dores de cabeça.

Além disso, as enfermeiras alertaram que, caso os pais acreditem que a aranha possa ser venenosa, a área picada deve ser envolvida por uma bandagem, a criança deve ser mantida imóvel e levada o mais rápido possível para um pronto-socorro. Se for seguro fazer isso, é recomendável prender a aranha em um jarro e levá-la para análise do médico.

Os pais precisam ficar atentos
Os pais precisam ficar atentos (Foto: Reprodução)

A publicação feita no Facebook gerou dezenas de respostas preocupadas, e relatos de vários pais compartilhando histórias sobre filhos que quase morreram após serem mordidos.

Uma mãe escreveu: “É tão importante consultar um médico! Nossa filha de dois anos foi mordida e nunca vou esquecer o grito dela! Na manhã seguinte ela acordou com um inchaço tão forte que não conseguia abrir o olho, chamamos uma ambulância. A infecção estava ao redor de seu olho. O hospital tinha médicos esperando por nós. Ela passou três dias em soro. Os médicos nos disseram que tivemos muita sorte que a infecção não se espalhou para o olho ou o cérebro”.