Família

Mãe fala sobre síndrome que causa crise de choro ao amamentar: “Senti que era uma péssima pessoa”

O primeiro sinal surgiu durante a amamentação da filha mais velha

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

Deena Todd desabafou sobre sua experiência de amamentação (Foto: Caters News Agency)

Deena Todd, de 31 anos, passou por uma situação muito difícil e compartilhou sua história.

Em entrevista ao jornal Metro UK, ela conta que começava a chorar sem nenhuma razão quando ia amamentar sua filha Isla, porque o ato lhe causava ansiedade e crises de pânico.

“Quando eu sabia que ia bombear o leite ou amamentar, eu começava a chorar. A disforia me impediu de ser capaz de me sentir como uma mãe”, ela desabafou ao Metro UK.

Deena foi diagnosticada com depressão pós-parto, porém, com o nascimento do segundo filho, Koby, de 8 meses, os sentimentos ruins continuaram. Então, Denna resolveu pesquisar sobre o que ela sentia e descobriu uma disfunção rara chamada “D-MER”, reflexo disfórico da ejeção de leite.

Ela começava a ter crises de choro quando sabia que ia amamentar (Foto: Caters News Agency)

A condição é uma anomalia do mecanismo de liberação de leite em mulheres que amamentam, o que faz com que elas tenham sentimentos intensos de disforia antes de seus seios liberarem leite.

De acordo com um estudo publicado no International Breastfeeding Journal, a D-MER é uma “queda” emocional abrupta que ocorre em algumas mulheres. Os sentimentos negativos variam: passam desde a melancolia até uma auto-aversão.

“A primeira vez que aconteceu foi no hospital, quando amamentei minha filha. Surgiu um intenso sentimento de pavor, é difícil de explicar”, ela diz ao Metro UK.

A primeira vez que Deena teve crises foi quando amamentou sua primeira filha (Foto: Caters News Agency)

“Depois disso, senti graves crises de ansiedade e depressão toda vez que amamentava. Eu sabia que tinha que cuidar da minha filha, mas também me preocupava com esses sentimentos. A D-MER me fez sentir como uma mãe ruim ou que eu não deveria ser mãe, uma péssima pessoa”, concluiu.

Deena compartilhou sua história com o Metro UK para que alertar outras mulheres na mesma situação.

Leia também:

Depressão pós-parto: por que você não deve cuidar só do seu bebê depois do nascimento

Mãe compartilha condição rara da filha para lutar contra o preconceito: “Aprenda a não agir com indiferença”

Mãe emociona ao revelar a história da filha com condição rara que viralizou na internet