Mãe gasta R$ 120 para mudar cabelo do filho e resultado gera revolta

A mãe desabafou nas redes sociais após se decepcionar com o resultado estético que seu filho teve

Resumo da Notícia

  • A mãe levou o filho para pintar o cabelo de loiro platinado
  • A mudança estética não agradou ao menino que, agora, se sente envergonhado em sair de casa
  • A matriarca disse que não voltará no salão de beleza que fez isso com o garoto

Um caso que aconteceu no interior de São Paulo, chegou ao conhecimento de internautas de Portugal. O Heder Freire, cabelereiro especialista colorimento e visagismo, reúne em suas redes socias seguidores do Brasil e do país europeu. O profissional soube de um caso que aconteceu em São José dos Campos, no qual um menino teve o cabelo destruído após ir ao salão de beleza para platiná-lo.

-Publicidade-

Na origem da publicação, uma mãe decidiu compartilhar sua frustação em relação à mudança estética de seu filho. A mulher pagou R$ 120 para pintar o cabelo do garoto, no entanto, o resultado deixou o menino completamente devastado. Visto que, o cabelo ficou com várias tonalidades, além da aparência quebradiça. “Estou me sentindo revoltada com esse ‘povo’ que só só faz as coisas por dinheiro”, desabafou a mãe.

Em complemento, ela falou: “Meu filho foi ao salão para fazer um loiro platinado, antes o cabelo dele era castanho escuro liso, agora está elástico e caindo”.

A mãe diz que o cabelo platinado do filho fico elástico e quebradiço (Foto: Shutterstock)

Ademais, há muitas manchas na coloração e alguns indícios de queimadura. Para o menino que foi ao salão para ter uma mudança visual, a situação vai além de sua estética. Pois, agora, ele se sente constrangido de ir à escola e sofrer comentários maldosos de seus colegas de classe. “Ele está chorando e desesperado, não sei o que fazer. Ele não foi para a escola, envergonhado”, disse a mãe.

Segundo o jornal Costa Norte, a matriarca publicou sobre o caso na internet, a fim de encontrar uma solução para o problema do filho. Como o caso chegou no cabelereiro Heder Freire, ele sugeriu, através dos comentários do pst, exemplos de produtos que podem ser utilizados para amenizar o efeito visual.