Mãe luta há 6 anos para recuperar filhas sequestradas pelo pai: “Vou morrer tentando tê-las de volta”

Tanya Borg perdeu as filhas que, atualmente, devem estar com 10 e 21 anos

Resumo da Notícia

  • Tanya Borg, aos 42 anos, perdeu as duas filhas depois que elas foram sequestradas pelo pai e levadas para a Líbia
  • Há 6 anos, a mãe luta para reencontrar as meninas
  • O pai delas chegou a ser preso, mas Angel e Maya sumiram sob os cuidados da avó - e não estão nem perto de serem encontradas

Tanya Borg, aos 42 anos, está vivendo uma intensa e difícil luta para recuperar a família. Isso porque, há 6 anos, a mãe de Maya e Angel luta para ter as filhas de volta depois que elas foram sequestradas pelo próprio pai – e levadas para a Líbia.

-Publicidade-

A mãe das meninas conta que sabia que o pai as levaria para o exterior para reencontrar a avó. Contudo, o que deveria ser uma viagem por um determinado período de tempo levou a dupla para longe de Tanya. Mohammed El Zubaidy estava levando as meninas para a Tunísia mas, rapidamente, as transportou para o outro lado da fronteira com Trípoli.

Tanya e o pai das meninas (Foto: Reprodução/ Daily Mail)

O homem já foi preso, contudo, alega que não sabe onde as filhas estão. Isso porque Maya e Angel foram, de fato, deixadas com a avó, mas as três sumiram. Desde então, Tanya já tentou de tudo para recuperar as meninas – até mesmo contratar pessoas no exterior para investigar o caso.

“Estou fazendo tudo o que posso”, disse ela, ao Daily Mail. ‘É frustrante agora que o dinheiro é a única coisa que me impede de fazer mais. Mas vou continuar tentando, vou morrer tentando ter minhas filhas de volta. Angel está com 21 anos agora, e Maya fará 10 em outubro, eles nem têm um telefone celular. Não tenho como contatá-los ou saber que estão bem. Eu coloquei tudo o que tenho para encontrá-los e não vou parar. Não posso parar até o dia em que eles possam voltar para casa”, desabafou Tanya.

Tanya se separou de Maya e Angel há 6 anos (Foto: Reprodução/ Daily Mail)

A mãe de Maya e Angel está, inclusive, organizando uma festa para arrecadar fundos para procurar as meninas. A festa, marcada para o dia 12 de setembro, contará com DJs, karaokê e uma competição Bake Off, juntamente com barracas de vendedores independentes, uma liquidação e uma venda de garagem.