Mãe mostra as estrias pós gravidez para normalizar a visão sobre as marcas: “São lindas!”

Ela considera que as marcas são o primeiro desenho do bebê

Resumo da Notícia

  • Mãe falou sobre as estrias pós gravidez nas redes sociais
  • Ela fez isso com o intuito de normalizar a visão sobre as marcas
  • Diversas pessoas elogiaram a atitude e as estrias da jovem

Jasmine, uma mãe adolescente, mostrou suas estrias como forma normalizar a visão sobre um corpo pós-parto. Ela usou as redes sociais para compartilhar um registro de sua barriga e desabafou.

-Publicidade-

“Meu corpo se transformou em um humano inteiro e foi cortado, o que o seu fez?”, disse ela no vídeo. “Eles desbotam em linhas brancas”, explicou ela. “Eles não são perceptíveis, mas estão em formação. Elas estão começando a desbotar no momento – eles não são tão roxos, eles são de um vermelho claro”, relatou.

A jovem falou sobre suas estrias na internet
A jovem falou sobre suas estrias na internet (Foto: Reprodução / TikTok / @jazzandoliver2021)

O vídeo gerou diversos comentários como: “Não acho nada disso nojento, é lindo!”, elogiou uma. “Eles são lindos!”, escreveu outra. Jasmine afirmou que considera as marcas como “primeiro desenho do bebê”.

Estrias na gravidez

Você sabia que as estrias atingem até 90% das grávidas, principalmente perto da 25ª semana de gestação, quando o útero chega a quadruplicar de tamanho? “Como a estria aparece após um estiramento abrupto da pele, a dica é manter uma alimentação saudável e não engordar muito durante a gravidez”, explica a dermatologista Flávia Addor, mãe de Maurício e Maria Fernanda. Além do aumento da barriga pela gravidez, as mulheres têm mais tendência a engordar e as estrias podem aparecer em outras áreas do corpo, como flancos, coxas, glúteos e seios.

Enquanto se controla a alimentação, também é importante cuidar muito bem da sua pele. Junto com uma dieta balanceada e as atividades físicas, especialistas apontam que o uso de cremes hidratantes ajuda na prevenção das estrias, além de trazer benefícios para a manutenção da qualidade da pele. “Os estudos com produtos de aplicação tópica mostram que isso pode melhorar as propriedades físicas e se relacionam à elasticidade da pele. Dessa forma, a mulher vai ter uma facilidade maior de estirar a pele e reduzir o aparecimento dessas estrias”, aconselha Flávia. A especialista indica o uso de hidratantes específicos para gestantes desde o primeiro trimestre da gravidez. Hidratar a pele é importante, mas você também vai precisar beber bastante água isso mantém os tecidos bem nutridos, além de ajudar na formação do líquido amniótico.