Mãe recebe ataques de pais após filho de 9 anos falar que Papai Noel não existe

A mulher publicou um desabafo sobre o ocorrido no portal MumsNet. Por lá, ela deu detalhes sobre o ocorrido

Resumo da Notícia

  • Uma mãe contou que recebeu ataques de outros pais após o filho de 9 anos falar que Papai Noel não existe
  • O menino contou a situação para os colegas de classe
  • A mãe publicou um relato anônimo no portal britânico MumsNet

Uma mãe publicou um relato anônimo no MumsNet sobre uma situação que viveu com o filho. Isso porque, na escola, o menino de 9 anos afirmou que Papai Noel não existe e, por causa disso, a mulher está recebendo ataques de outros pais.

-Publicidade-

Segundo ela, um bilhete específico e “muito zangado” de um pai a surpreendeu – e a fez recorrer ao portal britânico para desabafar. “Recebi uma mensagem muito zangada de um pai afirmando que meu filho estragou a ‘magia do Natal‘ para seu filho, que também contou a seus irmãos mais novos, e todos choraram por causa disso”, escreveu ela.

Além disso, a mulher ainda contou que o menino ficou muito aborrecido com toda a situação. “Eu pessoalmente pediria desculpas em nome do meu filho. Papai Noel é uma área muito sensível e os pais tentam manter a magia acontecendo. Infelizmente, seu filho foi o portador dessa má notícia”.

A mãe recebeu um bilhete zangado de outro pai
A mãe recebeu um bilhete zangado de outro pai (Foto: Getty)

“Quando eu perguntei a meu filho sobre esta conversa, ele ficou absolutamente arrasado por ter causado aborrecimento a outras pessoas”, ele ainda ressaltou. Segundo ela, o menino descobriu sobre a situação por meio do irmão mais velho.

Os internautas apoiaram a mãe e a criança. “Não acho que seja sua culpa o filho dele ter contado para os irmãos mais novos. Eu diria que aos 9 anos a maioria das crianças já sabe a verdade. Acho que seu filho presumiu que os amigos também sabiam”, escreveu um. Outra mãe ainda afirmou, “Quanto mais cedo uma criança aprender a verdade melhor, na minha opinião. Não há nada de ‘mágico’ em ser enganado”.