Mãe reclama por falta de acessibilidade para o filho com doença rara em creche

Keylane fez uma denúncia a uma instituição por não ter estruturas de cuidar do filho com Doença de Hirschsprung. O caso aconteceu em Porto Velho, Rondônia

Resumo da Notícia

  • Mãe reclamou por falta de acessibilidade em creche
  • O filho dela foi diagnosticado com Doença de Hirschsprung
  • O diagnóstico é má formação do intestino grosso

Keylane, de 34 anos, fez uma denúncia contra uma creche, em Porto Velho, RO, por falta de acessibilidade ao filho que sofre com Doença de Hirschsprung, um caso raro que consiste na má formação do intestino grosso. Ela entrou em contato com o g1 para relatar o caso.

-Publicidade-

“A diretora falou que se ele [o filho] precisar ir ao banheiro, eles [o corpo docente] não vão limpar o meu filho. Eu vou ter que sair de onde eu estiver e ir até a escola pegar ele porque não tem quem faça isso. A escola não tem nem onde lavar ele”, disse ela ao portal.

É fundamental saber o significado de acessibilidade para fazer a sua parte
É fundamental saber o significado de acessibilidade para fazer a sua parte (Foto: iStock)

De acordo com a mãe, a criança já passou por 7 procedimentos cirúrgicos para reconstruir o órgão intestinal. A primeira foi realizada quando ele tinha apenas 3 meses de vida.

Após ter passado pela segunda cirurgia, com 1 ano de idade, ele passou a enfrentar uma incontinência fecal, fazendo com que ele use o banheiro com mais frequência que o normal.

Ela sempre cuidou do filho em casa, no entanto, precisou matriculá-lo em uma creche para trabalhar, no entanto a unidade informou que não há estrutura para cuidar da criança por conta de suas dificuldades físicas.