Mãe relata frustração após filho ser picado por um escorpião na hora de realizar a prova do Enem

Lucas Dias foi picado por um escorpião na sala em que realizaria a prova, em Goiânia

Resumo da Notícia

  • Jovem foi picado por um escorpião na hora de fazer a prova do Enem
  • Ele sentiu a dor da picada durante a espera para receber o caderno de prova
  • Lucas foi encaminhado para o hospital e encontra-se bem

Lucas Dias, de 17 anos, foi picado por um escorpião pouco antes de realizar o segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em Goiânia. O garoto já estava na sala em que realizaria o teste e teve de ser encaminhado para o hospital.

-Publicidade-

A mãe do jovem, Alessandra Dias, delegada, demonstrou frustração pelo filho ao vê-lo nesta situação. Ela afirmou que ele se preparou por muito tempo para realizar a prova.

Estudante picado por escorpião na hora da prova do Enem
Estudante picado por escorpião na hora da prova do Enem (Foto: Reprodução / TV Anhanguera / G1)

“Além do susto, a gente ficou muito triste com tudo o que aconteceu. O Lucas estudou desde o primeiro ano em que ele decidiu ser medico, ele não teve adolescência. Ele estudou 12, 13, 14 horas por dia todos os dias”, disse.

O garoto estava sentado à carteira em que realizaria o teste, esperando a entrega dos cadernos de prova, quando sentiu uma picada na perna e notou que havia um escorpião ali. O Corpo de Bombeiros foi acionado e ele foi levado para o Hospital de Doenças Tropicais (HDT). O rapaz já encontra-se bem.

Jovem picado por escorpião em prova do Enem é encaminhado para o hospital
Jovem picado por escorpião em prova do Enem é encaminhado para o hospital (Foto: Reprodução / Vanessa Martins / G1 Goiás)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) explicou, por nota, que Lucas poderá participar da reaplicação do Enem, no dia 9 a 16 de janeiro de 2022.

“Só o psicológico agora que fica abalado, mas com fé em Deus tudo irá se resolver da melhor forma. Ele está bem chateado, se preparou muito”, completou a mãe.