Mãe se assusta com ultrassom de sua primeira filha e diz que crânio era “assustador”

A Tasmin Stenhouse contou que se assustou em na ultrassom de sua primeira filha. Pois a criança aparentava características faciais estranhas

Resumo da Notícia

  • Mãe se assusta com ultrassom da filha
  • A mulher disse que o rosto da filha aparentava características estranhas
  • Ela contou que o sustou foi porque ela esperava ver pela primeira vez, o rosto da sua filha

Segundo o portal de notícias internacional The Mirror, uma mãe ficou completamente assustada ao  ser atendida para fazer uma ultrassom. A Tasmin Stenhouse (25), moradora da Escócia, estava com aproximadamente cinco meses de gravidez, quando fez o exame e pensou que iria ver o rosto de sua filha pela primeira vez. No entanto, a empolgação se transformou em desespero ao visualizar uma imagem em preto e branco, no qual o feto aparentava ter uma formação diferente em seu crânio.

-Publicidade-

De início imediato, o choque se deu por conta de algumas características faciais. Mas, na sequência, o pai do bebê começou a dar risada e soltou: “Não parece assustadora”. Já a Tasmin disse que foi nesse exame que descobriram mais informações sobre a criança: “Foi na consulta do onde eles confirmaram o sexo, que obtivemos a foto do escaneamento em que o crânio apareceu (…) uma das primeiras imagens claras que tivemos dela – mostrei ao meu parceiro e sua reação foi cair na gargalhada”.

Mãe fica assustada com ultrassom da filha: "O crânio apareceu" (Foto: Reprodução: Tasmin Stenhouse)
Mãe fica assustada com ultrassom da filha: “O crânio apareceu” (Foto: Reprodução: Tasmin Stenhouse)

Após o susto, o casal passou a curtir tranquilamente a gestação. Agora, após o parto, os pais afirmam que o bebê é saudável, sobretudo, que não passou por nenhum conflito médico pós-nascimento. “Eu tive o bebê, ela nasceu em 12 de fevereiro (…) Ela não parece assustadora, ela é linda”, disse a matriarca.

Ultrassom

Por mais que tenham os pais optem por descobrir o sexo do bebê apenas na hora do nascimento, existem muitos curiosos que não aguentam esperar os nove meses. Se você é um pai ou uma mãe desse time já deve ter ouvido falar do Método Ramzi. Mas o que é exatamente? Será que ele funciona? Fizemos essa matéria completa para esclarecer suas principais dúvidas.

Antes de qualquer coisa, é importante destacar que esse método não é comprovado cientificamente. “Pode ajudar a aliviar a ansiedade talvez aumentando a probabilidade de acertar o sexo segundo o estudo, mas a gente não recomenda”, avisa Dr. Igor Padovesi, ginecologista e obstetra, e pai de Beatriz e Guilherme.

O que é o Método Ramzi?

O chamado Método Ramzi é uma forma alternativa de descobrir o sexo do bebê desde o primeiro exame, geralmente realizado na 6º semana de gestação. Desenvolvido pelo Dr. Saam Ramzi Ismail, o estudo tem o objetivo de analisar a relação entre a posição da placenta e a determinação do sexo do bebê para prevenir, o mais cedo possível, doenças genéticas específicas. Leia a matéria completa aqui.