Mãe se revolta após marido convidar família dele inteira para Natal sem ela saber

A mãe contou que após o falecimento do sogro o marido dela assumiu o papel de “chefe da família”

Resumo da Notícia

  • Uma mãe ficou revoltada com a atitude do marido
  • A mulher contou que após a morte do sogro o marido se tornou "chefe da família"
  • O marido convidou a família dele inteira para o Natal sem avisar a mulher

Hospedar uma família no Natal com um punhado de parentes mais próximos pode ser estressante às vezes. E é aí que você está descansado e tem tempo para preparar todas as coisas. Mas uma mulher que atualmente trabalha em tempo integral, cuida de uma criança e está grávida de 6 meses descobriu recentemente que agora tem uma outra tarefa sobre os ombros.

-Publicidade-

Acontece que o marido, cujo pai faleceu há um ano, assumiu o papel de chefe da família. Então ele achou que seria uma ótima ideia convidar 26 membros para uma celebração de Natal de 5 dias sem realmente falar sobre isso com a esposa. Como você pode suspeitar, isso não foi bem aceito pela mulher que compartilhou os pensamentos no fórum do Reddit pedindo conselhos às pessoas.

Então ela compartilhou a história perguntando às pessoas se ela estava errada em não se desculpar com o marido por cancelar tudo. ”Para contextualizar, eu sou casada com meu marido há 4 anos. Eu trabalho em um emprego de tempo integral, enquanto ele faz um turno noturno 3 vezes por semana. Temos uma filha de 2 anos e estou grávida de 6 meses.”

“Todo esse drama começou dias atrás. Meu marido tem uma grande família. E em todo Natal eles se reuniam na casa de seu pai. Meu sogro faleceu há um ano e este ano meu marido decidiu como o homem da família hospedar o Natal em nossa casa. Sem me contar, ele enviou convites para uma celebração de Natal de 5 dias para toda a sua família, que são cerca de 26 membros no total.”

A mulher ficou sem acreditar na atitude do marido
A mulher ficou sem acreditar na atitude do marido (Foto: Getty Images)

“Eu descobri por acidente e fiquei chocada demais para reagir. Eu o confrontei e ele disse que eu não deveria ficar surpresa e apenas me acostumar, porque depois da morte de seu pai ele agora é o “chefe” da família e todos os grandes eventos familiares serão realizados em nossa casa e na presença dele. Eu me apavorei e disse que não, isso é errado e que ele deveria ter falado comigo antes de enviar qualquer convite para sua família, sabendo que tenho outros compromissos, como trabalhar e cuidar da casa e da nossa filha.”

“Ele disse que vamos dar um jeito se eu tirar uma folga do trabalho, mas isso significa mais carga de trabalho depois e vai tirar minha licença-maternidade. Eu exigi que ele cancelasse os convites, mas ele se recusou dizendo ‘nem por cima do meu cadáver’ e saiu. Acabei mandando uma mensagem em massa para todos que receberam um convite explicando que não faremos o Natal este ano.”

“Ele descobriu e me perseguiu e disse que meu comportamento foi escandalosamente apavorante e disse que eu quebrei sua palavra para sua família e o fiz parecer pequeno e sem autoridade. Eu respondi em um tom muito estrito que não me inscrevi para hospedar uma festa e acomodar 26 pessoas durante a gravidez, cuidando de uma criança e trabalhando.”

O Natal é um evento importante para o marido
O Natal é um evento importante para o marido (Foto: Getty Images)

“E eu não me importo se ele se tornou o chefe da família após a morte de seu pai, porque isso não significa nada para mim. Ele se ofendeu com isso e saiu quase chorando. Mais tarde, ele falou sobre como eu desrespeitei seu pai e ele com o que eu disse e exigiu um pedido de desculpas escrito à mão por cancelar o evento e por ser insensível a ele e diminuir sua autoridade na frente de sua família, mas eu não disse nenhum pedido de desculpas de qualquer forma e a questão ainda está em pé, especialmente com minha sogra dando-me um discurso severo sobre como eu estava fora da linha por desrespeitar as decisões do meu marido em relação à celebração do feriado com a família.”

“Fui babaca por divulgar isso? Ele planejou sentar e contar histórias de seu pai enquanto eu cuido de tudo e sua família acredita que, como convidados, é rude pedir a eles que ajudem.”, escreveu a mãe. As pessoas se juntaram para compartilhar os pensamentos sobre toda esta situação

Uma pessoa disse: “Não foi errada … Ele está delirando? Um pedido de desculpas por escrito? O que você é seu servo? Meu Deus, isso é repulsivo.” Outro acrescentou: “O fato de dizer que ela o fez “sentir-se pequeno” e “sem autoridade” mostra como ele vê a dinâmica do relacionamento de vocês”.