Mãe usa corpo como escudo e bebê é o único sobrevivente em queda de avião da família

O acidente aconteceu na Colômbia e tirou a vida dos pais e da babá da criança

Resumo da Notícia

  • A queda de um avião na Colômbia deixou apenas um sobrevivente
  • Martin, o bebê que ficou vivo, perdeu os pais e a babá no acidente
  • Ele só sobreviveu pois a mãe usou o próprio corpo para protegê-lo

Não há dúvidas de que mães fazem tudo para proteger os filhos. A queda de um avião na Colômbia acabou terminando com um único sobrevivente, um bebê que foi protegido pela mãe durante o acidente. Os dois pais acabaram falecendo.

-Publicidade-

Na última terça-feira (13), na região da cidade de Ubaté, um pequeno avião acabou caindo e tirando as vidas de Mayerly Diaz Rojas, do marido dela, Fabio Grandas, e da babá da família Nuris Maza. Mas de forma milagrosa, o filho, Martin, sobreviveu. O pai, um médico reconhecido em Bogotá, estava pilotando a aeronave.

A equipe de resgate se surpreendeu ao chegar no local do acidente. Infelizmente, já sem vida, Mayerly foi encontrada numa posição estratégica. Ela usou o próprio corpo para envolver o filho, se tornando uma espécie de “escudo” para Martin, e foi isso que o salvou.

-Publicidade-
Família sofre acidente de avião na Colômbia e bebê é o único sobrevivente (Reprodução/TheSun/Newsflash)

De acordo com o The Sun, as autoridades de aviação civil na Colômbia prestaram solidariedade para os familiares das vítimas e completaram com a informação de que “um bebê, que também estava viajando na aeronave, está sendo atendido agora em um centro de assistência”.

Segundo declarações oficiais, a criança está em condição de saúde estável e passa por tratamento na Fundação Santa Fé, do Hospital da Universidade de Bogotá. A polícia ainda investiga o que pode ter causado o acidente, mas já afirmaram que as documentações técnicas do avião estavam em dia.

-Publicidade-