Marcella Fogaça conta como foi o primeiro encontro das gêmeas com a avó: “Como se já se conhecessem de outras vidas”

A cantora ainda não tinha encontrado com a avô desde o início da pandemia

Resumo da Notícia

  • Marcella Fogaça usou as redes sociais para falar do encontro das filhas com a avó
  • A cantora não a via desde o início da pandemia
  • A artista é mãe de Sophia e Pietra

A cantora e compositora, Marcella Fogaça, mãe das gêmeas Sophia e Pietra, costuma compartilhar a rotina com a família nas redes sociais, além de textos cheios de amor! Nesta última terça-feira, 23 de novembro, ela publicou uma foto das filhas com a avó e contou um pouco sobre como foi o encontro.

-Publicidade-

“Depois de quase dois anos, por conta da pandemia, da minha gravidez de risco, desse ano zoado de esquisito, consegui ver minha vó pessoalmente, abraçá-la, chorar de amor no seu cabelo que ficou todo grisalho enquanto ela chora de volta nos meus novos fios brancos”, começou escrevendo.

Marcella Fogaça e avó
Marcella Fogaça, avó e as filhas (Foto: Reprodução / Instagram / @marcellafogaca)

“Ela que é minha mãe também, que me carregou no colo pra lá e pra cá por toda minha infância, que tem o melhor cafuné, que me dava os melhores conselhos, de quem puxei o bom humor, o riso fácil, o otimismo, as mãos”, refletiu.

“Vovó não me viu grávida, não teve aqui pro nascimento e pegou suas bisnetas no colo depois de 8 meses. E foi como se elas já se conhecessem de outras vidas, os olhinhos vidrados, os sorrisos brotando de lá pra cá e eu vi a vida voltar pro rostinho dessa minha vó, cansada de ficar presa em casa e da solidão que a pandemia trouxe pra todos, mas que, pra quem tem pouco tempo nesse mundo, pesa mais”, continuou.

“85 anos separam essas pessoas. Quanta vida, quanto tempo, quanta coisa aconteceu no mundo meu Deus! Eu saí desse encontro com algumas certezas:

  1.  A vida realmente voa. O tempo é implacável e temos que fazer valer cada segundo pra sair dessa melhores do que entramos
  2. Temos pedaços de todos que cuidaram de nós quando crianças
  3. É preciso retribuir aos mais velhos todo tempo e amor dedicado a nós
  4. A vida é recomeço constante. Tudo se renova, nada é eterno, nem mesmo os problemas. Resolva o que dá, porque o que não tem solução, solucionado está.
  5. A idade está na cabeça, por isso é importante cuidar dela em conjunto com nosso corpo.
  6.  Relembrar e refletir nossa infância faz com que a gente possa tentar fazer ainda melhor pela infância das nossas crias e consequentemente para toda sua vida adulta.
  7.  Eu tenho a avó mais linda do mundo e a saudade que eu sinto diariamente dela só ficou mais forte com essa visita.”, afirmou.

“Eu sou muito grata por tudo minha vó. Espero que agora a senhora possa ver mais de perto esses pedacinhos seus e que elas possam ter tempo pra se encantar com seus encantos. Você não tem Insta, mas está se desafiando no WhatsApp e eu vou mandar esse texto por lá. Te amo!”, se declarou.