Mauricio de Sousa recria foto da família reunida 30 anos depois e diverte fãs

Na foto, aparecem Alice, esposa do cartunista,  com os filhos Marina, Mauro e Mauricio

Resumo da Notícia

  • Mauro Souza, filho de  Mauricio de Sousa usou as redes sociais para mostrar uma foto que o pai recriou
  • A montagem mostra a família reunida antes e 30 anos depois!
  • Fãs e amigos da família se divertiram com a publicação

Nesta quarta-feira, Mauro Souza, filho de Mauricio de Sousa, de 86 anos de idade, cartunista criador da Turma da Mônica, usou as redes sociais para mostrar uma foto que o pai recriou. A montagem mostra a família reunida antes e 30 anos depois!

-Publicidade-

Na foto, aparecem Alice, esposa do cartunista,  com os filhos Marina, Mauro e Mauricio. Na legenda da publicação, o jovem escreveu: “Mamãe, Marina, Mauricio e eu. 30 anos entre uma foto e outra. Ambas tiradas pelo meu pai”. Ou seja, um registro foi feito em 1991 e outro em 2021.

Mauricio de Sousa recria foto da família
Mauricio de Sousa recria foto da família (Foto: Reprodução/ Instagram)

Rapidamente, fãs e amigos da família fizeram questão de comentar a publicação: “Isso sim é amor de verdade”, disse um. “Adoro esses antes e depois”, falou outro. “A Marina de 2021 está a cara da mamãe de 1991”, reparou outra.

Recentemente, Mauro Sousa, de 35 anos de idade, defendeu a inclusão de personagens da comunidade LGBTQIA+ nas histórias em quadrinhos da Maurício de Sousa Produções.

Mauricio de Sousa completa 86 anos
Mauricio de Sousa completa 86 anos (Foto: reprodução Instagram)

Foi durante entrevista concebida à Veja que Mauro, abertamente homossexual, destacou sobre a importância de incluir personagens LGBTQIA+  e afirmou que “a diversidade sempre esteve presente” nas criações do pai.

A falta de personagens que fossem parecidos com Mauro contribuiu, de acordo com ele próprio, para que tivesse “uma infância solitária, pois não conversava com ninguém sobre isso”. Ainda à revista, o filho do criador da Turma da Mônica, defendeu que a escolha de incluir personagens homoafetivos dentro das histórias em quadrinho não influenciam as crianças.