Médicos americanos alertam para 6 novos sintomas do coronavírus

O Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos já adicionou as novas associações à lista que se atribui à covid-19. De acordo com os especialistas, esses sinais podem aparecer em um período de 2 a 14 dias

Resumo da Notícia

  • Médicos associam outros sintomas ao coronavírus
  • Descobri-los ajuda na prevenção da doença
  • Veja quais são os novos sintomas
Novos sintomas do coronavírus (Foto: Unsplash)

A pandemia de coronavírus já infectou mais de 3 milhões de pessoas ao redor do mundo e, com o passar do tempo, os médicos e cientistas descobriram outros sintomas que podem estar associados à doença. Devido a essas associações, entro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos decidiu incluir seis novos sintomas na lista que se atribui à covid-19.

-Publicidade-

Além dos clássicos tosse seca persistente, febre, cansaço e falta de ar, o coronavírus passou também a ser relacionado com tremores e calafrios que não somem, dor muscular, dor de cabeça, dor de garganta e perda recente de olfato ou paladar.

Segundo o CDC, esses sintomas, não necessariamente todos, podem aparecer em um período de 2 a 14 dias depois da pessoa ter contraído o vírus. Aumentar a lista dos possíveis sintomas servirá para determinar quais pessoas precisam ser testadas e também para entender melhor quando alguém deve se isolar por suspeita de infecção da covid-19.

-Publicidade-

-Publicidade-