Menina é aprovada em faculdade de medicina aos 13 anos

Ela passou na universidade um ano após terminar o ensino médio com 12 anos

Resumo da Notícia

  • Uma menina de 13 anos foi aprovada na faculdade de medicina após concluir o ensino médio aos 12 anos
  • Ela conseguiu ser aprovada na Universidade do Alabama nos Estados Unidos
  • A adolescente está estudando em dois cursos de graduação em ciências biológicas
 

Uma menina de 13 anos foi aprovada na faculdade de medicina após concluir o ensino médio aos 12 anos. Ela conseguiu ser aprovada na Universidade do Alabama nos Estados Unidos.

-Publicidade-

Alena Analeigh Wicker conseguiu entrar no programa Burroughs Wellcome Scholars Early Assurance, que aceita acadêmicos de forma antecipada, garantindo sua participação na universidade. A adolescente está estudando em dois cursos de graduação em ciências biológicas em diferentes universidades, Arizona State University e da Oakwood University. Nos Estados Unidos, é necessário a realização do curso de biologia para que possa estudar medicina. Mas, a entrada na Heersink School of Medicine de Birmingham, na Universidade de Alabama já está garantida. “Eu trabalhei tanto para alcançar meus objetivos e viver meus sonhos. Mamãe eu consegui”, escreveu a americana.

Ela conseguiu ser aprovada na Universidade do Alabama nos Estados Unidos. (Foto: Reprodução / Só Notícia Boa)

Além das conquistas acadêmicas, a garota também criou o The Brown STEM Girl, que busca ajudar meninas pretas para envolver, capacitar e educar através da ciência, tecnologia e matemática. Brown STEM Girl Foundation também foi criado por Alena, que é uma forma de homenagear um pioneira afro-americana para matemáticos da NASA, Brown STEM Girl Foundation.

A mãe da jovem percebeu desde cedo o intelecto avançado da filha. “Alena era talentosa. Era apenas como ela fazia as coisas e quão avançada ela era. Ela lia muitos livros ainda pequena”, disse ela, sempre percebendo o amor pela ciência de Alena.

Vote na Pais&Filhos para o Troféu Mulher Imprensa!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, está concorrendo ao prêmio da categoria Pertencimento e Inovação da 16ª edição do Troféu Mulher Imprensa! Para votar, é muito simples: CLIQUE AQUI e aperte o botão ao lado da foto da Andressa para que ele fique azul. Em seguida, preencha o campo com seus dados e vá até seu email: será preciso confirmar o seu voto clicando em um link. Depois disso, sucesso! Seu voto já foi contabilizado. Obrigada!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa (Foto: Divulgação/Pais&Filhos)

Assista agora o POD&tudo com Marcos Piangers e Ana Cardoso! Em um bate papo muito divertido, eles falam da estreia do filme “O Papai é Pop”, inspirado no best-seller de Piangers, interpretado por Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, que estreia no próximo dia 11 de agosto.