Meninas descobrem que são irmãs gêmeas pela internet e pais contam mais um detalhe inusitado

As duas irmãs ficaram separadas por 15 anos

As duas ficaram separadas por 15 anos (Foto: reprodução/ Twitter)

Duas meninas descobriram que são irmãs gêmeas do jeito mais inusitado: por rede social. As meninas se encontrara por acaso e resolveram questionar os pais da semelhança que tinham. As duas são da Indonésia e, para a surpresa delas, ainda havia um terceiro irmão desconhecido.

Nabila Az-Zahra, que vive em Gowa, na Indonésia, começou a receber notificações alertando que outro usuário do Twitter estava usando as fotos da menina. Ao checar as fotos, não teve dúvidas de que era ela, até que decidiu entrar em contato com esse perfil “falso”.

Mas o perfil era de Nadya, que na verdade é a irmã gêmea de Nabila.  A semelhança entre elas era indiscutível, e chegaram até falar por chamada de vídeo para terem certeza, segundo o site SóNotíciaBoa. “Fizemos perguntas pessoais, como nosso peso, altura e cor favorita. Nossas respostas foram quase todas iguais!”, contaram as gêmeas ao jornal The Jakarta Post.

Nadya conversou sobre o que ela tinha descoberto com a mãe, que confirmou. Ela tinha sido adotada ainda bebê, mas o que surpreendeu ainda mais é que não eram gêmeas, eram trigêmeos: havia um terceiro irmão. As crianças foram dadas para adoção na época por falta de condições financeiras dos pais para criá-las, explicou o site.

“Os nossos pais biológicos não tinham condições de nos criar e nos colocaram para adoção. Minha mãe me disse que eu pesava só 1,4kg ainda recém-nascida. Eu estava morrendo”, afirmou Nadya. As duas irmãs se uniram e estão procurando pelo terceiro membro. Incrível, não é mesmo?

Leia também: 

Jacquin e Esposa comemoram 1 ano dos gêmeos com declaração e fotos inéditas

Mulher conta como é engravidar de gêmeos duas vezes seguidas: “Eu amo ser mãe”

Esposa de Jacquin mostra como está o corpo um ano depois de dar à luz gêmeos