Menino carateca com doença rara inspira Lewis Hamilton em Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1

O heptacampeão mundial usou as redes sociais para compartilhar uma foto do garoto lutando karatê usando um cateter de oxigênio 

Resumo da Notícia

  • Lewis Hamilton publicou uma foto de um menino carateca com doença rara
  • Ele afirmou que se inspirou no pequeno para vencer o Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1
  • Miguel, o garoto da foto é natural de Santos, litoral de São Paulo e luta diariamente com uma doença rara

O automobilista, Lewis Hamilton, comemorou vitória do Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1, no último domingo, 14 de novembro. Segundo ele, a vitória veio por inspiração que teve com a determinação do carateca, Miguel Santos Peres, de 10 anos, natural de Santos, litoral do estado. O pequeno possui uma doença rara respiratória que dificulta sua respiração nos treinos e campeonatos.

-Publicidade-

Pouco antes da competição, o heptacampeão mundial usou as redes sociais para compartilhar uma foto do garoto com a legenda: “quando você absolutamente se recusa a desistir”. No registro, Miguel aparece usando um cateter de oxigênio.

Criança inspira corredor de Fórmula 1
Criança carateca inspira Lewis Hamilton (Foto: Reprodução / G1)

O carateca possui deficiência de surfactante, desde os 6 meses de vida. A doença é considerada rara e sem cura, que dificulta no processo respiratório. A família do garoto relatou que tem buscou um diagnóstico para realizar o tratamento da doença por quatro anos. Até então, tiveram um retorno a respeito da cura. Durante esse processo, Miguel precisou ficar internado por um ano e em coma induzido por mais quatro meses.

“Ainda hoje, para ele, perdura aquela coisa do diagnóstico desenganado. Mas em mim e no Júnior, tem aquela coisa de que ninguém tem uma data limite para ir embora”, disse a mãe, Samara Santos ao G1.

Após conseguir um tratamento, Miguel começou apresentar melhores desenvolvimento respiratório, apesar de não obter a cura completa. No entanto, através disso, hoje ele consegue ir à escola, brincar e fazer o que ama: praticar karatê. “O esporte é a vida dele, ele adora”, afirmou a mãe.

Família de Miguel
Família de Miguel (Foto: Reprodução / G1)

Quando soube que Hamiltou compartilhou sua foto, ele ficou muito feliz. Afinal, também acompanha as corridas de Fórmula 1. “Foi um pouco antes da corrida. Ficamos emocionados, porque ele colocou que o Miguel foi a inspiração do dia dele. Mostramos, e ele [Miguel] pirou. Depois aparece ele [Hamilton] com a bandeira do Brasil. O Miguel se sentiu ganhando ali”, continuou ela.

“Ele é uma pessoa assim. Se não der para ir por baixo, ele vai por cima. Se não der, ele pula, agacha, vai e não para. Ele também não se envergonha mediante as limitações. Ele está aprendendo e levando a gente junto com ele. Acho que foi isso que viralizou, essa força dele”, concluiu.