Menino de 7 anos morre após ser jogado mais de 20 vezes no chão em aula de judô que estava com o tio

O caso aconteceu em Taiwan onde a vítima – que não teve o nome divulgado – foi jogada 27 vezes no chão por um aluno mais velho e pelo próprio professor

Resumo da Notícia

  • Um menino de 7 anos morreu em Taiwan após violenta aula de judô
  • A vítima, que não teve o nome divulgado, foi jogada 27 vezes no chão, pelo professor e por um aluno mais velho
  • A violência foi filmada pelo tio - que não interviu na situação por causa da cultura de respeito a professores da região
  • O menino ficou 70 dias em coma antes de falecer

Um caso de violência infantil causou a morte de um menino de 7 anos em Taiwan. A vítima, que não teve seu nome divulgado, estava em uma aula de judô acompanhado pelo tio quando foi jogado 27 vezes no chão – primeiro, por um colega de classe mais velho, e depois pelo próprio professor, que tinha 60 anos. Testemunhas ainda contam que o tutor ainda duvidou do desmaio do garoto após o ocorrido.

-Publicidade-

O menino ficou 70 dias em coma antes de apresentar queda nos sinais vitais e batimentos cardíacos na última semana. Desde então, a família decidiu, junto com os profissionais, desligar os aparelhos que estavam mantendo a vítima viva. Antes do falecimento, o professor – que não tinha licença para atuar no cargo, de acordo com a polícia – foi condenado a pagar uma média de R$ 17,8 mil por agressão física resultando em ferimentos graves, além do envolvimento de um menor na situação. Agora, a morte da vítima pode condená-lo de 7 anos na cadeia a prisão perpétua.

O tio filmou a agressão para provar para a mãe que as aulas não eram adequadas (Foto: Getty Images)

Todo a agressão foi filmada pelo tio do menino – que estava responsável por levá-lo para as aulas. O homem decidiu registrar a situação para provar para a mãe que o ambiente de aprendizado não era adequado. Quando questionado sobre o porquê de não ter interferido na agressão, a cultura de respeito aos professor em Taiwan falou mais alto. Contudo, a mãe garantiu que o parente está “se sentindo péssimo”.

As gravações arquivadas pela polícia mostram, inicialmente, um menino mais velho deferindo inúmeros golpes violentos na vítima – e jogando-a no chão. Depois, como incentivo, o próprio professor passar a jogar a criança no chão, e grita para que ele levante após desmaio. As informações foram divulgadas pela BBC News.