Menino de 8 anos escreve livro sobre como são os dias de uma criança durante a pandemia

Chamado de “Diário de uma quarentena”, o livro mostra a rotina e aprendizados de Yalle Tarique, uma criança baiana. Ele pretende publicar a obra no próximo ano e espera ajudar outras crianças que estão passando por esse momento

Resumo da Notícia

  • Um menino de 8 anos começou a escrever um livro durante a quarentena
  • Yalle Tarique está mostrando como é o dia a dia de uma criança durante a pandemia em textos diários
  • O livro deve ser lançado no próximo ano

A quarentena definitivamente não está sendo um período tranquilo para a maior parte das pessoas. Mas, para tornar o tempo e a espera por dias melhores mais tranquila, muita gente tem se reinventado e colocado a criatividade para funcionar.

(Foto: Shutterstock)

É o caso de Yalle Tarique, um menino baiano de 8 anos. Ele resolveu escrever um livro durante a quarentena depois que viu o tio ser infectado e internado com o novo coronavírus. Percebendo a tensão na família, ele decidiu escrever uma carta para o parente com boas vibrações – e foi aí que ele decidiu ampliar a ideia!

O livro chama-se “Diário de uma quarentena: o dia a dia de uma criança na pandemia” e Tarique acredita que pode inspirar e transformar a vida de muitas pessoas. “A ideia é que as crianças também se vejam no livro e saibam que não estão sozinhas nesse momento”.

Menino escreve livro contando sobre a rotina de crianças na quarentena (Foto: Reprodução Instagram @yalletarique

Apesar de ser muito novo, os textos parecem ser escritos por gente grande e proporcionam reflexões sérias e importantes: “Reflitam comigo: vocês valorizam as suas coisas? Sabiam que tem muita gente que não tem o que vocês têm?”, diz um trecho do livro, o qual ele publicou uma prévia do projeto.

A meta de Tarique é lançar um livro com 100 páginas contando toda a rotina do isolamento social pelo olhar de uma criança. A obra deve ser publicada no próximo ano, durante a Feira Literária Internacional de Cachoeira, na Bahia.