Morte de Príncipe Phillip completa um ano e ainda é motivo de briga na família real

A morte do Duque de Edinburgo completa 1 ano neste sábado, 9 de março, e a rainha faz tributo para o marido. O momento teve a presença de pessoas da família real, mas Harry não compareceu

Resumo da Notícia

  • Morte do Príncipe Phillip completa um ano e é feita cerimônia para data
  • Acontece que a família real entrou em polêmica após Harry se negar a ir no tributo
  • As relações entre a Família Real e o Príncipe Harry estão cada vez mais distantes

A morte do príncipe Phillip, marido da rainha Elizabeth II completou um ano neste sábado, 9 de abril. A própria rainha e a família real compartilharam homenagens nas redes sociais para o dia.

-Publicidade-

O duque de Edinburgo morreu aos 99 anos, no castelo de Windsor. A rainha está para completar 96 anos e escolheu a data da morte do marido, para passar o dia reclusa com os familiares.

As publicações das redes sociais reuniu inúmeras fotos de momentos especiais da vida de Phillip, desde o casamento até o encontro com netos e bisnetos “Lembrando Sua Alteza Real Duque de Edinburgo no primeiro aniversário de sua morte” escreveu o perfil oficial da família real.

As relações de Harry com a família real estão cada vez mais estreitas
As relações de Harry com a família real estão cada vez mais estreitas (Foto: Reprodução/ Instagram)

A Rainha Elizabeth II está com 70 anos de reinado, e fez a primeira aparição pública no final de março deste ano para homenagear o falecido marido, em missa que aconteceu en Londres.

A missa foi um momento ‘polêmico’ para a família real, pois o príncipe Harry, neto da Rainha Elizabeth II, comunicou que não iria para a cerimônia. A ausência do príncipe gerou um constrangimento pela família, principalmente pela forma que que Rainha soube. Segundo fontes britânicas, Harry avisou a avó, minutos antes de divulgar a nota oficial.

Família Real e Harry

O Príncipe Harry anunciou que irá lançar a própria biografia no final de 2022, porém, há muitas pessoas que acham que o lançamento do livro poderá causar problemas na família real.

Harry e Meghan teriam sido excluídos de foto
Harry e Meghan teriam sido excluídos de foto (Foto: Getty Images)

Um dos pontos que o livro poderá se tornar “polêmico” é por conta do relacionamento de Harry com a madrasta Camilla. A rainha Elizabeth II e o Príncipe Charles se preocupam como a relação entre Harry e Camilla será retratada na biografia.